quinta-feira, 30 de março de 2017

IVAIPORÃ - VALORIZANDO A VIDA

Prefeitura de Ivaiporã, Conseg e Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas realizam projeto Valorizando a Vida pela 3ª vez
O projeto Valorizando a Vida, que é desenvolvido em parceria entre a Prefeitura de Ivaiporã, Conseg (Conselho Municipal de Segurança) e Conselho Municipal de Políticas Públicas Sobre Drogas, será realizado pelo 3º ano consecutivo, entre os dias 3 e 7 de abril, com foco na prevenção do uso indevido de drogas mediante sensibilização e ação, bem como no combate à violência e promoção da educação no trânsito.  As ações a serem desenvolvidas foram apresentadas e debatidas, na terça-feira, dia 28 de março, no salão nobre da Prefeitura. O prefeito de Ivaiporã, Miguel Amaral, não pode comparecer devido a outros compromissos de agenda.  Criado em 2015, o projeto foi premiado no 9º Encontro Nacional dos Gestores Municipais de Assistência Social, que foi realizado em Salvador (BA). E, em 2016, apresentado no Congresso Brasileiro de Gestores e Trabalhadores da Política da Assistência Social, em Belo Horizonte. Em ambas as situações, o projeto foi apresentado pela diretora do Departamento Municipal de Assistência Social de Ivaiporã, Gertrudes Bernardy, que recebeu o troféu Sustentabilidade Social.      Parceiros valorizam a vida   -  O projeto Valorizando a Vida envolve: Prefeitura de Ivaiporã, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Conselho Tutelar, 38ª Ciretran, Conselho Comunitário de Segurança (Conseg), Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente (CMDCA), Conselho Municipal de Meio Ambiente, Conselho Municipal de Assistência Social, Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas, Conselho Municipal de Trânsito, Conselho Municipal do Plano Diretor e Departamento Municipal de Assistência Social.   Desta vez, o projeto Valorizando a Vida despertou interesse nos municípios Jardim Alegre, Lidianópolis, São João do Ivaí, Lunardelli, Arapuã e Ariranha do Ivaí. Por isso, será desenvolvido simultaneamente entre os dias 3 e 7 de abril.  O presidente do Conseg, Jair Burato, e a presidente do Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas, Gertrudes Bernardy, convidaram os representantes dos citados municípios e trocaram informações acerca da metodologia a ser desenvolvida por eles.  Em nome do Conseg, Jair Burato agradeceu ao prefeito Miguel Amaral pelo total apoio dado ao projeto Valorizando a Vida. “Quando expliquei ao prefeito Miguel Amaral que seria dado início ao projeto Valorizando a Vida, pelo 3º ano consecutivo, ele se prontificou imediatamente a apoiar, participar e a defender o projeto Valorizando a Vida”, contou Burato, que também dirigiu um agradecimento especial aos parceiros e aos representantes dos municípios pela colaboração e adesão.  Segundo Jair Burato, em 2015 e 2016, houve uma significativa redução nos casos de uso de drogas, violência e acidentes de trânsito com a influência do projeto Valorizando a Vida. Os resultados foram confirmados pelo delegado da 54ª Delegacia de Polícia Civil de Ivaiporã, Gustavo Dante, no que se refere à queda no uso de drogas e consequentemente no número de prisões envolvendo o tráfico.   Trabalho de conscientização  -  Associado ao projeto Valorizando a Vida também foram desenvolvidos, em 2015 e 2016, a ação chamada Pé na Faixa e realizadas blitz envolvendo a operação Lei Seca, que visa combater a embriaguez ao volante.   Na prática, o projeto Valorizando a Vida envolve trabalho de conscientização nas ruas, com distribuição de panfletos e cartazes, e nos estabelecimentos de ensino, onde serão ministradas palestras sobre as consequências causadas pelos diversos tipos de drogas.  Segundo Gertrudes Bernardy, os resultados positivos despertaram interesses em outros municípios do Vale do Ivaí. Por isso, o projeto Valorizando a Vida será realizado simultaneamente. “É importante desenvolver ações em conjunto, porque os resultados positivos ligados ao combate às drogas, violência e acidentes de trânsito não serão registrados apenas em Ivaiporã, e sim no Vale do Ivaí”, justificou Gertrudes Bernardy.  Um dos objetivos é alertar crianças, jovens e respectivas famílias sobre as problemáticas focadas pelo projeto Valorizando a Vida.  (Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ivaiporã/Lúcia Lima)

Nenhum comentário:

Postar um comentário