quinta-feira, 4 de maio de 2017

DECISÃO - TSE cassa os mandatos do governador e do vice do Amazonas

         O Tribunal Superior Eleitoral cassou no começo da tarde de 04 de maio, os mandatos do governador do Amazonas, José Melo, do Pros, e do vice, Henrique Oliveira, do Solidariedade. As acusações de compra de voto foram reveladas pelo Fantástico.  Cinco votos foram a favor da cassação e dois, contra, portanto o governador e o vice perderam o mandato.   As compras de votos aconteciam da seguinte forma: distribuição de dinheiro para a compras de cestas básicas, ajuda de custo para viagens e até distribuição de dinheiro para compras de túmulos. Esse dinheiro seria entregue, de acordo com o processo, dentro do comitê da campanha deles.  Agora, o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas vai ser notificado e vai ter que ter uma nova eleição para o governo do estado. Quem assume o governo do Amazonas é o presidente da assembleia legislativa, mas ainda cabe recursos, tanto no TSE, quanto no Supremo Tribunal Federal, mas aí com os dois fora do cargo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário