quarta-feira, 17 de maio de 2017

POLÍTICA - Fala Ivaiporã direto da Marcha dos Prefeitos em Brasília

  Miguel Amaral, prefeito de Ivaiporã, falou direto de Brasília com a Rádio Nova Era, sobre visita a gabinetes de deputados e ministros e os temas debatidos na Marcha dos Prefeitos
       O Prefeito Miguel Amaral, de Ivaiporã, falou ao vivo com a Rádio Nova Era e Blog do Berimbau, nesta quarta-feira, dia 17 de maio, direto de Brasília, sobre a Marcha dos Prefeitos, evento que estava participando com outros chefes do poder executivo da região. Segundo Amaral, é preciso mudar a realidade atual, onde os prefeitos, que tem as maiores responsabilidades e sabem onde as obras precisam acontecer, ficam com uma pequena parcela do bolo arrecadado pelo Governo Federal. Ele citou os exemplos das obras prioritárias, como asfalto de ruas, urgência em saúde, uma operação tapa buraco e tantas outras que poderiam ser realizadas de forma mais ágil, se as cidades tivessem independência financeira, pautas que fizeram parte da Marcha a Brasília, como também o parcelamento, em 200 vezes, das dívidas das prefeituras com previdência. Miguel ainda aproveitou para visitar gabinetes de parlamentares e ministros, em busca de recursos. Com os Deputados Federais Sérgio Souza e Alex Canziani, foi realizado um jantar especial, cujo o assunto foi projetos e demais demandas. Miguel foi ao gabinete do Ministro do Turismo para debater questões deste setor, a nível de Vale do Ivaí. Inclusive, ficou acertada a visita do Ministro a Ivaiporã. Amaral e outros prefeitos também foram falar com o Ministro da Saúde, Ricardo Barros. Perguntado sobre a Jaguafrangos, que tem projeto de um abatedouro em Ivaiporã, afirmou que uma reunião, na semana passada, com participação de Carlos Gil e Orlando Pessuti, os detalhes que representam entraves, foram debatidos e tudo dará certo até o final de 2017 (clique aqui para ver mais sobre este tema). MARCHA A BRASÍLIA - Foi lançada durante plenária Pauta Municipalista no Congresso Nacional, da XX Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, a Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Municípios Brasileiros (FMB). O anúncio foi feito pelo presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, na manhã desta quarta-feira, 17 de maio. Ele estava sentado à mesa acompanhado de mais 16 parlamentares do Legislativo Federal. A frente será coordenada pelo deputado municipalista Herculano Passos (PSD-SP), que também fez uso da palavra na plenária. Segundo ele, a frente será de fundamental papel na articulação das pautas municipalistas no Congresso, uma vez que congregará os parlamentares com interesse de aprovar matérias benéficas aos Municípios brasileiros. Conforme informado pelo presidente da Confederação, no momento, o documento que institui a frente contém assinatura de 225 congressistas. Segundo ele, “há cerca de 8 ou 10 anos, fizemos também uma frente dos municipalistas no Congresso, e tivemos 470 assinaturas”. Sendo assim, a expectativa é que o colegiado cresça ainda mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário