terça-feira, 23 de maio de 2017

TRÁGICO - APUCARANA

Morreu a segunda vítima do  incêndio em residência ocorrido no Jardim Sabiá, cidade de Apucarana
Infelizmente foi confirmada a morte de Renata de Freitas Alves, de 27 anos, vítima de queimaduras. Ela é a segunda pessoa a morrer, após uma tragédia registrada no dia 14 de maio, de 2016, quando morreu uma filha de Renata, de apenas 07 anos. Conforme noticiamos, o incêndio, em Apucarana, aconteceu  na Rua Benedito Antonio Soares, no Bairro Jardim Sabiá.  Uma casa existente na referida via, quase que estado de abandono, que era utilizada por uma família muito humilde, foi o palco do acontecimento triste. No domingo, 14 de maio, "Dia das Mães", chegou solicitação que o local estava em chamas. Com a chegada do Corpo de Bombeiros, ficou apurado que haviam pessoas no imóvel. As vítimas são: Renata de Freitas Alves, de 27 anos,  uma adolescente de 13 anos, e o filho de 07,  ficaram com ferimentos considerados graves, por isso foram levadas para o Hospital da Providência. Infelizmente  a criança não resistiu e entrou em óbito, já naquele dia. A Polícia Civil foi acionada para apurar responsabilidade e instaurar um inquérito que vai apontar como exatamente como tragédia aconteceu. No dia dos fatos, a PM informou que a porta estava fechada com uma correte e cadeado, que inclusive um Policial atirou na corrente, para cortá-la e socorrer os moradores. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário