terça-feira, 22 de agosto de 2017

FÊNIX - Homem que matou filho de vereador se apresenta

Foto da vítima 
Acusado de matar filho de vereador em Fênix, se apresentou na cidade de Jandaia do Sul. Veja no vídeo acima, entrevista com o homicida e com o delegado
Um rapaz de nome Adeildo Onofre Sabino, se apresentou, NO dia 21 de agosto, de 2017, na delegacia de Jandaia do Sul, com sua advogada, e confessou que matou o jovem Lucas Peternelli da Silva,  filho do vereador Sidney Cândido da Silva, o "Branco" do PSD, eleito o mais votado nas eleições de 2016, em Fênix. O jovem foi brutalmente assassinado, na noite do dia 25 de junho, de 2017.  O réu confesso, não quis dar muitos detalhes, mas concedeu entrevista ao repórter André Amaral, que também falou com o delegado de Jandaia, o Dr. Adílson. As entrevistas estão no link de vídeo.  SOBRE O CRIME - Segundo informações, apuradas pelo Blog do Berimbau e Rádio Nova Era, houve uma confusão na conhecida "Vila Chatuba", que resultou em pelos menos seis golpes de faca contra o adolescente. Ele chegou a ser socorrido, foi levado para o Hospital, mas já entrou em óbito.  Em seu boletim de ocorrências, o Destacamento da Pm informou, naquele dia,  que a motivação poderia  ser passional: "Quando chegamos no hospital, os enfermeiros relataram  que pessoas disseram que a vítima encontrava-se em frente a residência de uma mulher, quando o autor, ex-marido da mesma, chegou ao local e começaram a discutir, momento em que o agressor desferiu vários golpes de faca contra o Lucas", informou a PM. Com a apresentação do acusado, o fato será melhor investigado.  
SUICÍDIO - Jovem cometeu ato extremo em Fênix 
Um jovem de nome Juliano, aproximadamente 30 anos, cometeu ato extremo (Suicídio) no centro da cidade de Fênix. Ele já vinha enfrentando problemas de ordem psicológica. Amigos enviaram, a nossa reportagem, votos de profundo pesar a família, que é muito querida em Fênix. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário