terça-feira, 19 de setembro de 2017

AGROTÓXICOS - Estudos mostram que é possível reduzir agrotóxicos

            A Emater-PR e a Embrapa Soja, de Londrina, comprovam que é possível reduzir o uso de agrotóxicos nas lavouras de soja. Técnicos vêm acompanhando as lavouras, por meio de unidades demonstrativas, onde adotaram técnicas de Manejo Integrado de Pragas e Doenças. Os resultados foram apresentados nesta terça-feira num evento em Londrina. Conforme os resultados, foi constatada uma redução de 45% na aplicação de fungicidas na safra 2016/17. O encontro também marcou o início de um treinamento para cerca de 130 extensionistas da Emater. Durante a pesquisa, também foi constatada a prorrogação da primeira aplicação de inseticida, aos 70 dias, enquanto que na safra anterior havia sido aos 66 dias. De acordo com o extensionista Jorge Gheller, a Emater utiliza o modelo de coletor de esporos, com objetivo de detectar a chegada do fungo à lavoura, e orientar o produtor sobre a necessidade ou não de realizar a aplicação de fungicida.  Enquanto a média de aplicação no Paraná foi de 2,4 pulverizações na safra 2016-17, nas propriedades assistidas, a média foi 1,5 pulverizações e sem diferença de produtividade. Esses resultados são decorrentes de acompanhamento feito em 163 Unidades de Referência, em propriedades rurais de 75 municípios assistidos pela Emater, no Paraná. (Repórter: Fernanda Nardo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário