quinta-feira, 5 de outubro de 2017

ORTIGUEIRA- Mais detalhes da tentativa de assalto ao carro-forte

Bandidos armados de fuzis tentaram interceptar o veículos de transporte de valores, mas a ação foi frustrada. Na fuga, eles roubaram uma camioneta de luxo 
A quarta-feira, dia 04 de outubro, de 2017, foi de intensa movimentação policial entre Ortigueira e Imbaú, e o motivo foi uma tentativa de assalto a um carro-forte, ação frustrada após a reação dos seguranças que estavam no veículo que faz o transporte de valores. Na fuga, os bandidos utilizaram veículos roubados e ainda tomaram de assalto uma caminhoneta de Luxo, fazendo motorista refém. No dia 05 de outubro, quinta-feira, a Polícia Militar divulgou um relatório com detalhes do ocorrido. Veja na íntegra, o boletim da PM com detalhes a ação ousada dos bandidos: "A equipe recebeu informação que veículos teriam tentado roubar o carro-forte na rodovia 376, km 351, próximo a entrada de Ortigueira e que o veículo de transporte de valores, já estava na frente da Delegacia de Ortigueira. O motorista informou que dois veículos, uma Nissan/livina e um Renault/fluence, participaram do crime. No trevo de acesso a rodovia 376 com a PR 340, uma camionete MMC/ l200 triton, preta, de Telêmaco Borba, foi encontrada capotada com placa fria, e que era na verdade uma L.200 roubada em Campo Largo, na data de 28/08/2017. Após o acidente, os bandido roubaram uma Toyota/ hilux de cor prata e se evadiram sentido município de Imbaú levando refém. Posteriormente a equipe chegou a região da Colônia Augusto Vitória onde foram localizados dois veículos: O Renault/ fluence de Cascavel, roubado em Pinhais, na data de 28/08/2017, e uma Nissan/livina com placa fria, furtada em 05/07/2017, em Curitiba. Os dois veículos estava com uma chapa de aço soldada na parte de trás e com dois acessos a fuzis", informou o boletim da Pm ao Blog do Berimbau. Foram encontrados, também nos carros, cartuchos deflagrado calibre .556; cal .308; e cal .50. Também materiais de artefatos explosivos, sendo necessária a presença do anti-bombas. Toda as providências foram tomadas, mas até a manhã de 05 de outubro, não havia notícia de detidos. Já a Toyota Hilux, teria sido localizada em Ipiranga, cidade dos Campos Gerais, onde o refém estava amarrado. Outras duas pessoas que estavam nos locais, onde o veículo foi abandonado, também foram amarradas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário