sexta-feira, 17 de novembro de 2017

ACIDENTE - Batida fatal entre ônibus e caminhão em São João do Ivaí

          RESULTADO: 37 FERIDOS E UM FATAL   
Após a queda de  árvore na Rodovia, um ônibus com trabalhadores de um abatedouro de aves de Mandaguari bateu em um caminhão provocando a morte de uma jovem de São João do Ivaí  

MAIS DETALHES - A Polícia Rodoviária informou que o acidente deixou 38 feridos, sendo 36 com ferimentos leves e dois feridos graves, dos quais uma jovem faleceu. A reportagem do Blog do Berimbau e Rádio Nova Era, confirmou, ainda pela manhã,  com o Instituto de Saúde Bom Jesus e o IML de Ivaiporã, o falecimento de Jéssica Fernanda Lopes Ferraz, de 23 anos, moradora de São João do Ivaí.  A tragédia aconteceu por volta das 04 horas (17/11) da madrugada,  quando um acidente foi registrado na Rodovia PR 082, no km 051, mais precisamente na saída de São João do Ivaí para São Pedro do Ivaí. Segundo a Polícia Rodoviária, o vento derrubou uma árvore na rodovia, o que fez que com os veículos fossem parando e formando uma fila nas duas vias. Pouco depois surgiu um ônibus com pessoas da região que trabalham no abatedouro de aves de Mandaguari (Empresa Aurora) e que bateu de frente com o caminhão, um Mercedes Benz, com placas de Sarandi, mas que presta serviços para uma distribuidora de bebidas (Coca Cala), que fazia o trajeto Maringá a Ivaiporã, era dirigido por Frank dos Santos Miranda,  de 26 anos. O Ônibus, também Mercedes Benz, de São João do Ivaí, tinha como condutor Sidnei Alves Marriel,  36 anos.  "A princípio o  motorista do ônibus percebeu que havia uma fila de carros, todos parados, ao que tudo indica, ele pegou a outra pista e continuou avançando, mas quando chegou no local onde a árvore havia caído, tinha um caminhão estacionado no sentido contrário, em cima da pista, foi quando o coletivo bateu de frente", informou uma testemunha ao repórter Ronaldo Senes, o "Berimbau".  A Polícia Rodoviária  não confirmou esta versão e nem negou, apenas revelou que foi feita uma perícia pela Polícia Civil e o resultado dela, com a investigação,  é que vai apontar o que realmente ocorreu.   Com impacto, o caminhão  ficou com a cabine destruída, mas o motorista e o ajudante não estavam dentro do veículo de carga, por isso,  não se feriram; cerca de 45 passageiros ocupavam o ônibus, dos quais quase 40 ficaram feridos (ferimentos leves e médios), e infelizmente houve o caso de uma jovem,  Jéssica Lopes, que foi a única ferida grave, que não resistiu e faleceu.  Foram acionadas várias ambulâncias da região. REVOLTA - Pessoas que trabalha no abatedouro de aves em Mandaguari, enviaram mensagem para a nossa reportagem pedindo providências e justiça. Eles também alegam existir algumas imprudências, detalhes que estão encaminhando para a Polícia Civil.   O motorista do Ônibus  teria negado supostas falhas.  Um detalhe curioso, é que o coletivo é o mesmo que trouxe para casa, em Godoy Moreira, a jovem Valquíria, que depois foi assassinada e causou comoção naquela cidade. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário