quinta-feira, 16 de novembro de 2017

IVAIPORÃ - Ivaiporã homenageia cidadãos no 56º aniversário

"O Executivo e o Legislativo decidiram em comum acordo prestar as homenagens, visando integrar na programação de aniversário do município", disse Miguel Amaral
A Câmara de Vereadores e a Prefeitura de Ivaiporã entregaram Títulos de Cidadão Honorário a 10 personalidades que contribuíram com a história do município. A sessão solene foi realizada, na terça-feira, dia 14 de novembro, na Câmara de Vereadores.   A mesa de honra foi composta pelo prefeito Miguel Roberto do Amaral; vice-prefeito Ilson Donizete Gagliano; presidente da Câmara de Vereadores, Fernando Rodrigues Dorta; vice-presidente, Sueli Ramos dos Santos Gevert; 1º secretário Eder Lopes Bueno; 2º secretário Edivaldo Aparecido Montanheri; e pelos vereadores José Aparecido Peres, Ailton Stipp Kulcampp, Hélio Araújo de Barros e Alex Mendonça Papin. O Título de Cidadão Honorário foi entregue a Dante Bragatto Neto, Lázaro Bueno, Ione de Albuquerque Muchiuti, Antônio Duran, Djair Roberto Fernandes, Otaviano Proença Neto, Laudelino Belarmino Leão, Therezinha Stüpp Sebold e a Alípio Santos Leal Neto – conforme o projeto de Decreto Legislativo 21/2017, enquanto o Título de Cidadão Benemérito de Ivaiporã foi conferido a João Salles, conforme o projeto de Decreto Legislativo 22/2017.   “O Executivo e o Legislativo decidiram em comum acordo prestar as homenagens, visando integrar na programação de aniversário do município. Dessa forma, poderemos homenagear anualmente os pioneiros de Ivaiporã, porque eles contribuíram com o desenvolvimento e participaram da vida política ou social”, justificou o prefeito Miguel Amaral.  Miguel Amaral agradeceu a presença de cada familiar que compareceu à solenidade e afirmou que os 56 anos do município contam com a contribuição de cada homenageado. “Normalmente, o reconhecimento do trabalho desenvolvido por determinadas pessoas ficam em segundo plano. Mas é preciso valorizar quem contribuiu com a história do município e continua mantendo laços afetivos com a cidade”, reforçou o prefeito, que comentou um pouco a história de vida de cada homenageado.  O presidente da Câmara de Vereadores, Nando Dorta, considerou louvável a entrega dos Títulos de Cidadão Honorário, afirmando que os homenageados fazem parte da história do município. “Não podemos deixar o passado esquecido. Por isso, sou favorável a homenagens em vida, porque eles merecem o nosso reconhecimento”, declarou Fernando Dorta. Os vereadores foram unânimes em parabenizar a história de vida dos homenageados, que, por sua vez, contaram um pouco como venceram na vida e comentaram o desenvolvimento de Ivaiporã, considerada por ele uma cidade linda e boa para se viver. - Clique no link abaixo e confira quais foram os pioneiros homenageados

Pioneiros são homenageados com Títulos de Cidadão Honorário
Dante Bragatto Neto nasceu em Marilândia do Sul/PR, em 1960, mas foi criado desde criança, em Ivaiporã, onde o pai jogava futebol, trabalhou na serraria Ubá – a partir dos 17 anos, Banco Itaú, e na Prefeitura Municipal.
Lázaro Bueno nasceu em Marilândia do Sul/, em 1936, e pioneiro no município de Ivaiporã desde 1940. Foi vereador por dois mandatos – 1978 a 1982, na 5º legislatura, e de 1989 a 1992 na 7º legislatura. E também secretário de Viação e Obras, na gestão Flávio Pereira Teixeira. Atualmente, aposentado com 81 anos, residente em Ivaiporã.
Ione de Albuquerque Muchiuti nasceu em Marília/SP, em 1950, e chegou a Ivaiporã em fevereiro de 1974, onde lecionou nos Colégios Raul Rodrigues Gomes, Unidade Polo Bento Mussuruga, Colégio Barbosa Ferraz, Colégio Brasil – atual Univale. Foi casada com o pioneiro Melvis Muchiuti.
Antônio Duran nasceu em Piedade/SP, em 1967, e chegou a Ivaiporã em 1962. Ajudou na construção do IBC – atual pátio de máquinas da Prefeitura. Em 1965, começou a trabalhar na Comercial Ivaiporã como vendedor e, logo após, passou a gerente onde desempenhou atividades até 2009.
Djair Roberto Fernandes nasceu em Itajubá/MG, em 1959, em Itajubá, ingressou nos quadros de empregados de Furnas Centrais Elétricas, na Subestação de Ivaiporã, em julho de 1985, após ter sido submetido a testes e entrevistas, como engenheiro do grupo de manutenção de telecomunicações. Em 1996, assumiu a gerência da Subestação de Ivaiporã.
Otaviano Proença Neto nasceu em Curiúva/PR, em 1940, e fixou residência em Ivaiporã, em 1955, onde foi oficial das Alfaiatarias de Emílio Gamba e de Emílio Basniak, desenhista no Departamento de Engenharia da Sociedade Territorial Ubá Ltda – Stul e, em seguida, contratado para assumir o posto de vendas e regularizações de contratos.
Laudelino Belarmino Leão nasceu em Taboa – distrito de Paramirim/BA, em 1939. Aos 21 para Ribeirão Preto/. Em 1982, ingressou na vida politica a convite do ex-prefeito Adail Boliva Rother e se elegeu vereador – mais votado do partido, exercendo mandato de 6 anos. Após longo percurso, se aposentou e encerrou a carreia pública em 2004.
Therezinha Stüpp Sebold nasceu em Ituporanga/SC, em 1938, e mudou-se para Ivaiporã em 1960, onde reside. Na época, começou a lecionar, recebendo pela prefeitura de Manoel Ribas, a qual o município de Ivaiporã pertencia.
Alípio Santos Leal Neto, que teve o Titulo de Cidadão Honorário proposto pelo ex-vereador Jaffer Ferreira, pelo Decreto Legislativo 26/2010, nasceu em Curitiba, em 1953, e trabalhou no escritório de advocacia José Elias Kuster. Além disso, sempre manteve laços de amizades no município.
João Salles (benemérito) nasceu em Ivaiporã, em 1960. Iniciou o percurso como radialista (locutor esportivo), em 1984, na Rádio Ubá de Ivaiporã, incentivado pelo professor Jaime Sacco. Trabalhou na Rádio Difusora Maringá, transmitindo narrações do futebol profissional, dentre outras. Em 1997, foi contratado pelo extinto grupo de comunicação RBS – atual NSC onde atua como narrador esportivo na Rádio CBN de Florianópolis/SC.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ivaiporã/Lúcia Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário