terça-feira, 2 de janeiro de 2018

APUCARANA - Suposto infanticídio registrado na cidade de Apucarana

                   MAIS DETALHES                     
Adolescente deu a luz a  uma criança no banheiro da UPA, em seguida jogou a filha no vaso sanitário
VÍDEO - No link de vídeo, ouça entrevista com o Delegado Dr. José Aparecido Jacovós  
         Um suposto  infanticídio, crime imputado a pessoas que tiram a vida de crianças, foi registrado em Apucarana, na manhã deste dia 21 de dezembro, domingo, no banheiro da UPA- Unidade de Pronto Atendimento. A acusada é uma adolescente de 17 anos. Tudo começou quando a jovem sentiu, em casa,  dores abdominais, que na verdade eram contrações para dar a luz. A moça foi levada para a referida UPA. Ela estava acompanhada de sua mãe, mas ao chegar no local, não informou da gravidez e foi ao banheiro onde entrou em trabalho de parto e deu a luz a criança (menina). Em seguida, ele teria jogado o recém nascido na vaso sanitário, provocando hematomas no bebê, o qual também estava com sinais de estrangulamento. Quando os funcionários perceberam, entraram no local, e constataram uma cena de terror, pois havia muito sangue no chão e por todo o banheiro. Logo em seguida foi acionado o SAMU - Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, que encaminhou a mãe e a filha, que mesmo sendo jogado na patente, sobreviveu, mas infelizmente faleceu posteriormente ao socorro. A Polícia Militar, Polícia Civil e órgãos competentes, como o Conselho Tutelar, foram acionados e o caso é investigado. No link de vídeo, ouça entrevista com o Delegado Dr. José Aparecido Jacovós, que conta detalhes do ocorrido e da investigação e diz que há possibilidade da jovem ter tido uma depressão pós parto. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário