quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

RIO BRANCO - SOBRE MORTE EM CONFRONTO

    RETIRADA DE IMAGEM     
Ministério Público de Faxinal determinou retirada da imagem de adolescente, que juntamente com um comparsa,  praticou  assaltos em série em Rio Branco do Ivaí. Ele foi morto ao confrontar com a Polícia Militar de Cândido de Abreu 
 NOTA   "Nossa reportagem, mesmo não concordando, mas expressando respeito e apreço pelo Ministério Público, fez a retirada da imagem de um adolescente de 17 anos, que aterrorizava a comunidade de Rio Branco do Ivaí com a prática de crimes. Sua última ação, já com quase 18 anos, foi realizar assaltos em série, fazer reféns, inclusive atirou na porta do veículo de um agricultor que recursou a parar sua caminhonete, o qual, por sorte não se feriu e conseguiu fugir. Na mesma ação, trancou reféns no banheiro de uma casa rural no Bairro Rio do Tigre e atirou na porta, novamente demonstrando sua insignificância com a vida de inocentes. Como se não bastasse, o menor, as vésperas de completar 18 anos, ainda confrontou com Policiais de Cândido de Abreu, que são pais de família, cidadãos dignos em defesa da comunidade, os quais  precisaram da sorte e da experiência para não se tornarem vítimas do menor em questão e seu comparsa.  Portanto, estou retirando a imagem, mas não poderia deixar de observar que mesmo se tratando de um  marginal, em nenhum momento divulguei seu nome ou sua imagem, o que só ocorreu após o seu falecimento, quando a exposição já não causava nenhum dano, porque a pessoa em questão já havia entrado em óbito. Acredito ainda que a proteção exagerada, extrapolando para após morte, pode promover um incentivo  aos infratores, que tem esnobado as forças de segurança  exatamente usando-se destes artifícios.  Sou a favor de tratamento especial a crianças, que muitas vezes são vítimas da sociedade, de famílias mal estruturadas e  não culpados pelo destino que seguiram, mas as vezes é preciso separar o joio do trigo e é exatamente isto que procuramos fazer.  Também não sou dono da verdade, por isso, acato a orientação do Ministério Público que tem postura correta e inabalável na defesa da sociedade como um todo" - assinado Ronaldo Senes, o "Berimbau". SOBRE O FATO - Conforme divulgamos, o  Hospital e Maternidade de Ivaiporã, confirmou o falecimento do menor de 17 anos, que foi baleado ao trocar tiros com a Polícia Militar de Cândido de Abreu. O óbito ocorreu às 11:30 da manhã, de  19 de janeiro, de 2018. Filho de família idônea, o adolescente escolheu a vida do crime, mas sua trajetória foi interrompida. Os bandidos que agiram em Rio Branco do Ivaí, foram presos na zona rural de Cândido de Abreu. Segundo apurou o Blog do Berimbau, o sucesso da operação começou com a ação eficiente do Policial Militar, Soldado Locatelli (De Rio Branco), que mesmo sozinho no plantão, pediu a apoio e fechou o cerco na região, após crime ousado de dois menores. Segundo informações, no final da tarde do dia 15 de janeiro, segunda-feira, dois bandidos em uma motocicleta Honda Titan azul, praticaram o primeiro roubo na Estrada do Porto Espanhol, às 16:30 horas, bem próximo da cidade, contra um jovem de nome Juliano Soares Leite, ele teve seu celular roubado pelos acusados e informou que o garupa foi quem apontou a arma. Logo em seguida, surgiu uma Caminhoneta dirigida pelo cidadão José Maria de Rezende Filho, de 79 anos; os meliantes deram ordem para que ele parasse, mas a vítima não acatou e acelerou. Os meliantes dispararam um tiro na porta do veículo, mas ninguém se feriu. A Polícia de Rio Branco foi acionada, e logo chegaram informações de um segundo assalto, após o primeiro roubo e uma tentativa frustrada. Eles agiram às 17:50 horas, na Estrada do Rio do Tigre, Bairro que já pertence a Cândido de Abreu. Neste local, o Josiel Lima dos Santos, 20 anos, funcionário do Supermercado Compre Bem (De Rio Branco) informou que estava com uma Fiat/Strada branca com placas AXW-7839, quando foi abordado, em uma emboscada, por dois indivíduos em uma motocicleta. Quando ele parou, já havia um homem de nome Amadeu, que seria dono de uma Comércio da região, como refém. Os dois indivíduos conduziram as vítimas para fazenda "Dona Cida", exigindo que Josiel pilotasse a motocicleta e seguisse a frente da Fiat Strada. Ao chegar na propriedade, foram amarrados com corda e colocados dentro de um banheiro. Na fuga, os bandidos levaram: celular, carteira e a quantia de R$40,00 de Josiel. Também efetuaram um disparo na porta do banheiro, porem não houve feridos. As vítimas conseguiram se libertar e Josiel procurou apoio da Polícia de Rio Branco do Ivaí. CONFRONTO - Nossa reportagem, Blog do Berimbau, apurou que a fuga continuou com a Fiat Strada roubada, mas avisados, policiais de Reserva ficaram atentos e a equipe de plantão de Cândido de Abreu iniciou buscas pela conhecida localidade rural do Marumbi, Segundo o sargento Moser (Comandante de Cândido de Abreu), em uma estrada, próximo ao vilarejo, os dois soldados que estavam na viatura, depararam com a Caminhoneta roubada. Os soldados desceram da viatura e deram ordem de parada, mas o ladrão que estava no volante, avançou em direção aos PMs, sendo que um deles teve que se jogar no chão para não ser atingido pelo carro. Também foi observado que um dos meliantes apontou uma arma, revólver, para a equipe e abriu fogo. Houve o revide, dos Policiais, para conter a injusta agressão, momento em que o ladrão,  de  17 anos, foi atingido, perdeu a direção derrubando um cerca, parando dentro de uma propriedade rural. O passageiro,  de 15 anos, ainda tentou fugir para uma mata, mas foi contido e apreendido. De imediato foi acionada uma ambulância para socorrer o assaltante ferido e inconsciente. Ele foi transportado para um Hospital de Cândido de Abreu, de onde seria transferido para Ivaiporã. Junto com a Fiat Strada, foram apreendidos: a moto usada no crime, que estava na carroceria; um revólver calibre 32 e quatro munições, espingarda puxa-fieira; quatro celulares; uma TV; um DVD, cinco gramas de maconha; uma caixa de som; botijão de gás; caixa de som; dois capacetes e ainda uma munição de 38 e 62 reais que estavam no bolso do adolescente de 15 anos, o qual confessou os roubos em Rio Branco do Ivaí. Todas as providências foram tomadas referentes ao caso. Em Rio Branco e Cândido de Abreu, moradores elogiaram a ação da Polícia Militar de ambos os destacamentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário