quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

LIDIANÓPOLIS - Irmãos com droga que seria levada para Jardim Alegre


 Um dos apreendidos tinha no corpo a tatuagem de um palhaço que na linguagem do crime significa assassino de Polícia ou membro de Facção Criminosa 
Eficiência da Polícia Militar e a importante colaboração de populares levaram a PM a tirar de circulação dois menores: L. H. M. R., 12 anos, e C. S. M. R., de 15, acusados de tráfico de drogas em Lidianópolis. Segundo informações, neste dia 07 de fevereiro, de 2018, uma denúncia foi repassada para a Soldado Débora, na Companhia Independente de Ivaiporã. Imediatamente ela acionou os Policiais Mercer e Araújo (soldados), que passaram a fazer patrulhamento, com apoio do colega de corporação Soldado Kulka, e conseguiram abordar os suspeitos. "A denúncia informava que dois indivíduos, trajando roupas escuras estavam na rodoviária, já há algum tempo, e também passavam objetos, que pareciam ser droga, para outras pessoas e quando percebiam a viatura, corriam para dentro do terminal. Ainda havia um fluxo constante de pessoas que não estavam lá para comprar passagens, o que causou estranheza ao informante. Ao chegar no local, a equipe de PMs percebeu os suspeitos entrando em um ônibus, momento que foi feita a abordagem. Eles estavam com uma bolsa contendo 57 gramas de maconha, dividida em 16 invólucros e um tablete maior e diversos outros objetos pessoais", informou o Boletim do Destacamento local. Os apreendidos informaram que a droga pertencia a eles, que eram de Jardim Alegre e que são irmãos, sendo o de 15 anos, com passagem pela Polícia pelo crime de receptação. Todas as providências foram tomadas referentes ao caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário