terça-feira, 15 de maio de 2018

ROSÁRIO - Dedetização de casa termina em Boletim de Ocorrências

Ilustrativa 
  Mulher disse que após passar veneno de insetos em sua casa, homem cobrou 900 reais e ainda tentou passar cheques a prazo como se fossem a vista 
           Na região Vale do Ivaí, já foram registrados vários casos de golpes aplicados por supostos dedetizadores, que chegam na residências, oferecem o serviço e cobram valores absurdos. Em Rosário do Ivaí, uma mulher chamou a Polícia, após pagar 900 reais, por uma dedetização, mas a princípio o boletim não foi registrado como estelionato. O fato aconteceu às 10 horas, de 14 de maio, de 2018, segunda-feira. "A mulher disse que a empresa higienizadora, através de um funcionário, que se apresentou e identificou-se, inclusive passando números de telefone, passou veneno em sua residência. Quando ela foi efetuar o pagamento, ele disse que não passava cartão, por isso, foram  oferecidos três cheques de 300 reais para 30, 60 e 90 dias, porem o homem foi até uma agropecuária e efetuou compras com os cheques, como se fosse a vista, mas o atendente da empresa, ligou para a dona das folhas perguntando se ela realmente havia emito os documentos. A qual afirmou que sim, mas a prazo  e que não era para a agropecuária vender", informou a PM. Diante dos fatos, o homem voltou a casa da vítima e começou a confusão. Foi então registrado um boletim e os cheques foram sustados. 

Um comentário:

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.