domingo, 8 de julho de 2018

IVAIPORÃ - Quatro ocorrências envolvendo uso e tráfico de drogas

No Jardim Europa e no Centro, supostos usuários foram abordados. Já na Monte Castelo e na Vila Nova Porã, acusados de tráfico foram detidos 

       USO DE DROGA -  Pelo menos quatro ocorrências envolvendo droga, foram registradas na cidade de Ivaiporã, no dia 07 de julho, de 2018. Houve, inicialmente, dois casos de droga para consumo, o primeiro no Jardim Europa, na madrugada, onde um rapaz com uma Motocicleta Honda CG 150, na cor preta e placa de Ivaiporã, ao avistar a viatura policial, demonstrou nervosismo e acelerou, sentido trevo. Abordado, ele tinha uma porção de cocaína pesando aproximadamente um grama, no bolso, e ainda não possuía CNH. Durante o dia, por volta das 12 horas, no centro, um rapaz em atitude suspeita jogou algo no chão. A Pm foi checar e eram dois pedaços de maconha pesando aproximadamente 4 gramas. Ele negou tráfico e na casa dele, há 15 metros de onde ocorreu a abordagem, mais nada foi encontrado. TRÁFICO  DE DROGA- Já as ocorrências de tráfico, foram duas, a primeira às 20 horas, de 07 de julho, no Bairro Nova Porã, de onde chegavam denúncias que havia dois rapazes praticando tráfico na frente de uma residência. Ao chegar no local, eles correram para os fundos, onde existia uma escada de três metros, sendo que um pulou e fugiu e o outro tentou pular, mas caiu. Em suas vestes havia uma porção de maconha pesando aproximadamente 0,003 gramas e a quantia de R$792,00 em dinheiro. No quarto do detido, foi localizada mais uma porção de maconha, pesando aproximadamente 0,009 gramas, além de uma impressora da marca HP, a qual não soube informar a procedência. O jovem negou tráfico. E a quarta ocorrência, também de tráfico, foi no Bairro Monte Castelo. No local, os soldados faziam patrulhamento quando flagraram um indivíduo entregando dois papelotes a outro; ao perceber a viatura, pegou de volta, correu para dentro da casa e trancou a porta, mas deixou cair um invólucro com droga no quintal, de 14 gramas. O outro abordado, já é conhecido no meio policial como "Aviãozinho do Tráfico", que são usuários que recebem pequenas quantidades e repassam em troca de droga ou recebendo uma porcentagem. Após todo procedimento, foi feito o adentramento no imóvel, sendo que nada mais foi encontrado, apenas papelotes com vestígios de droga. e a quantia de R$ 502,00 reais em cédulas de diferentes valores. Ele negou a prática do tráfico. Em todos os casos narrados acima, as ocorrências foram levadas para a Delegacia.