segunda-feira, 9 de julho de 2018

MANOEL RIBAS - FARRA DAS DIÁRIAS II

Vereador  "Ronaldinho" ao invés de dar explicações para a população das  "Diárias" que recebeu fazendo cursos, inclusive viajando duas vezes para Santa Catarina em um mês, decidiu atacar o repórter "Berimbau". Veja a reposta do Radialista  

            O vereador Ronaldo Luis Grochoski, o "Ronaldinho", do PMDB, de Manoel Ribas, foi um dos citados da reportagem do Blog do Berimbau, repórter Ronaldo Alves Senes, o "Berimbau", que denunciou a "Farra das Diárias" em Manoel Ribas,no dia 04 de julho, de 2018 (Clique aqui para rever). Em menos de um ano e meio, gastaram mais de 200 mil reais fazendo "cursinhos" em cidades turísticas como Águas de Chapecó, no Litoral de Santa Catarina; Foz do Iguaçu, no Paraná; Curitiba e outros destinos, algo que para os vereadores é legal, mas para muitos moradores, se trata de um atitude imoral, porque o dinheiro gasto é  oriundo dos impostos da população. Mas após a denúncia da nossa reportagem, usando como base informações de eleitores e o próprio portal de transparência, o vereador Ronaldo Luis, foi para as redes sociais dizer que agimos de forma mentirosa. Veja o que escrever o parlamentar: "Só quero informar a todos, que esta matéria é mentirosa; estão acusando vereadores de viagens que não foram feitas. Hoje estive lá na Rádio Nova Era requerendo a gravação. Se negaram a me entregar, mas já vamos tomar as medidas cabíveis em todas as postagens. Fazer uma matéria com verdades, eu concordo, mas com mentiras e acusações mentirosas não. Sou um vereador que sempre opino pelas coisas certas. Deixei bem claro para o Berimbau. Fale para ele que viesse a Manoel Ribas e fizesse uma matéria das economias e de mais de um 1,2 milhão que devolvemos ao executivo, que outros presidentes não devolveram um centavo, mais ele preferiu postar esta matéria meritosa", disse o vereador. Para conferir a postagem do vereador, original, leia o print no topo desta postagem. RESPOSTA DO BERIMBAU - Nossa reportagem informa que todas as informações relacionadas ao vereador Ronaldo, inclusive que ele foi duas vezes para Águas de Chapecó - no lindo litoral de Santa Catarina, em menos de um mês (21/05 e 18/06, ambos em 2018); constam no Portal de de Transparência da própria Câmara- Veja:
Também informamos que o próprio vereador teve oportunidade de falar a reportagem e ele mesmo revelou que na presidência anterior não foram devolvidos recursos e que esta tem sido exemplar, pelo menos no entendimento do nobre edil. Também informamos que basta assistir o vídeo da matéria que fizemos, nela o próprio vereador confirma a veracidade das informações que publicamos, dizendo que está tudo no portal de transparência é que era verdade. Para ouvir a fala do próprio vereador confirmando os fatos, clique aqui:  a entrevista está neste link de vídeo, como também estão falas de outros vereadores. Nossa reportagem esclarece que a única informação não correta, publicada na primeira reportagem, foi que o vereador Lindolfo Oenning, havia retirador valores para cursos na cidade de Águas de Chapecó - SC, mas o próprio Lindolfo esclareceu que foi a Santa Catarina, mas para outra cidade que é Dionísio Cerqueira; vale ressaltar, que apesar do erro na informação do nome da cidade, os valores foram gastos  da mesma forma e estão também no portal de transparência. Ainda fizemos uma errata corrigindo o detalhe não correto. Sobre a gravação que o vereador solicitou a Rádio Nova Era, ela não se justifica, porque o áudio completo já está no Blog do Berimbau, publicamos junto com a matéria denominada "Farra das Diárias"; mesmo assim, o vereador pode requerer uma cópia original, mas deve ser um pedido extrajudicial para que a emissora não destrua a cópia, a qual será disponibilizada ao poder judiciário e não diretamente ao nobre vereador, assim como é de praxe em todos os meios de comunicação do Brasil. Ronaldo gastou R$15.500,00 reais em diárias, é o quarto da lista dos que mais gastaram. Já que o vereador quer esclarecer fatos, nos colocamos a disposição para uma nova entrevista, onde ele terá espaço para fazer qualquer outro esclarecimento, mas jamais podemos nos calar diante das mordomias, que podem não ser ilegal, porque a própria Câmara legalizou o uso das verbas, mas acreditamos ser imoral, porque, como já dissemos, é o  cidadão  quem está pagando a conta. Também nos colocamos a disposição de qualquer outro vereador que tenha se sentido prejudicado, mas  nunca para esconder fatos, e sim para revelar os bastidores da política, que muitas vezes o cidadão só toma conhecimento quando reportagens investigativas são publicadas.  ESTAMOS DE OLHO 


2 comentários:

  1. Excelente Berimbau. Lhe questionou e as provas vieram a tona.
    Parabéns pela matéria.

    ResponderExcluir
  2. Uma correção, Aguas de Chapecó fica no Oeste catarinense na divisa com o Rio Grande do Sul (rio Uruguai)muito longe do litoral.

    ResponderExcluir