sábado, 16 de março de 2019

FAXINAL - Presos fazem rebelião é o clima fica tenso no local

                              REBELIÃO                              
Dr. Ricardo Mendes 
               Em Faxinal, por voltas 16:30 horas, da tarde de sábado,  dia 16 de março, de 2019, recebemos informações de familiares, que estavam preocupados com o barulho dos presos, que vinha de dentro da cadeia pública. Segundo informações, o local está com problemas de superlotação, pois apesar da capacidade de 30 detentos, abriga mais de 100, além de outras dificuldades estruturais e que, a rebelião, foi com o intuito de reivindicar melhores condições. Por volta das 17 horas, o delegado chefe, Dr. Ricardo Augusto de Oliveira Mendes, chegou ao local para conversar com os rebelados e controlar os ânimos, mas a situação estava tensa.   "Realmente a rebelião começou no período da tarde, estamos com mais 101 presos, e cinquenta deles quebraram cadeados e se recusam a voltar para os cubículos. Por isso, imediatamente comecei a tomar providências para que possamos entrar no local, com solicitação  de reforço, e tomar as medidas cabíveis", disse o Dr. Ricardo Mendes, ao Blog do Berimbau e Rádio Nova Era.   Vale ressaltar que durante a reunião da AMUVI - Associação dos Municípios do Vale do Ivaí, que aconteceu justamente em Faxinal, um dia antes, 15 de março, o delegado chefe da Subdivisão de Apucarana, Dr. Gustavo Dante, debateu exatamente essa questão que é preocupante, principalmente por conta do pouco contingente de agentes  da civil. Ainda segundo Dante, a região tem 800 detentos, mas  capacidade é para 330.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA