quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

URGENTE - O procurado Wilson Machado é preso em Ortigueira

"Vilsinho Machado" é apontado como chefe de quadrilha e autor de crimes, entre eles: roubos a caminhonetes, gado, praças de pedágio e outros crimes, como tráfico de  drogas 
No link de vídeo, ouça entrevista com o Delegado Ricardo Mendes e saiba mais detalhes    
        O Delegado Dr. Ricardo Augusto de Oliveira Mendes, que responde pelas Comarcas de Faxinal e Grandes Rios, confirmou, na noite deste dia 01 de janeiro, de 2020, a primeira e importante prisão do ano. Foi detido em Ortigueira, pela equipe composta pelo referido Dr. Ricardo, investigador Fernando Almeida e Soldado Prezotti, de Rosário do Ivaí, por volta das 20 horas, o Wilson Machado de Oliveira, o "Vilsinho Machado". Em seu desfavor existia um mandado de prisão expedido pelo Juízo da Vara de Execuções penais de Curitiba. Na busca pessoal, foram encontradas com o homem, um barra de maconha e uma porção, já pronta para a suposta venda. Wilson foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de droga. VÁRIOS CRIMES - Recentemente publicamos uma reportagem em que o delegado afirmava já ter realizado algumas operações em Ortigueira e outros municípios, em busca do "Vilsinho", que é apontado como autor ou integrante do grupo que vem tomando de assalto caminhonetes de luxo na região dos Campos Gerais e Vale do Ivaí. Cidades como Marilândia do Sul, Borrazópolis, Mauá da Serra, Faxinal e Ortigueira, por exemplo, registraram vários roubos deste tipo de veículo. Também há acusações de furto de gado, furto em Praças de Pedágio na BR-376, entre elas, na Serra do Cadeado. Uma outra acusação é a de ser "Chefe de Quadrilha". O homem nega a prática de todos os crimes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA