Páginas




 



 


17/10/2022

IAT promove atividade prática com morcegos para mostrar importância desses animais

O Instituto Água e Terra (IAT) promove no dia 28 de outubro uma atividade prática com a coleta de morcegos na conhecida Trilha das Perobas, em Cianorte, Noroeste do Estado. A atividade integra a I Expomorcego, realizada entre os dias 27 e 29 de outubro. A exposição é fruto da parceria do IAT com o Programa de Conservação de Morcegos do Brasil (PCMBRASIL), Secretaria de Meio Ambiente e Bem-Estar Animal de Cianorte (Semma) e a Universidade Paranaense (Unipar). Para a atividade prática é necessário fazer inscrição prévia até o dia 26 de outubro AQUI. Os inscritos receberão um e-mail com as orientações de como proceder no dia. Os interessados farão a trilha acompanhados por um profissional que dará auxílio na coleta e explicações técnicas a respeito do animal. A caminhada será ao longo de 1,5 km na Trilha das Perobas, local conhecido como Cinturão Verde de Cianorte e utilizado para prática de caminhada pelos moradores. “Foi nessa trilha que aconteceu a primeira pesquisa de morcegos na região Noroeste do Estado. O objetivo é observar os morcegos, seus hábitos e identificar a importância deles para o meio ambiente, tornando melhor a convivência entre os seres humanos e os animais silvestres”, destaca o chefe regional do IAT em Cianorte, Marcelo Marques. Os morcegos são mamíferos e possuem vários tamanhos e cores. No Brasil, existem espécies com pelagem vermelha, alaranjada, e alguns até com listras. A diferença está em suas patas dianteiras, modificadas de tal forma que eles conseguem voar. A sua observação é feita à noite porque é o período em que eles saem para se alimentar. “Como são dotados de capacidade ultrassônica como os golfinhos, esses animais podem se orientar no ambiente sem a necessidade de claridade”, explica Marques. “Ao contrário do que pensam, existem mais de mil espécies de morcegos no planeta e apenas três delas se alimentam de sangue. O restante prefere os mais variados cardápios como frutas, insetos, néctar e até peixes”, disse. Os hábitos alimentares mais comuns das espécies de morcegos que vivem próximos dos humanos, como no Cinturão Verde de Cianorte, são a frugivoria (alimentação à base de frutas) e a insetivoria (alimentação à base de insetos). Esses comportamentos são importantes para o meio ambiente, pois os animais ajudam a espalhar as sementes das plantas e a controlar a população de insetos. EXPOMORCEGO – A I Expomorcego foi idealizada em outubro, por ser considerado o “Mês do Morcego”. Neste ano, o município de Cianorte foi eleito para sediar o evento de âmbito internacional. A programação conta com a participação de pesquisadores renomados, que irão desmistificar o preconceito em relação aos morcegos de serem animais que propagam doenças, apresentando à população e aos participantes do evento a importância dessas espécies para o meio ambiente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...