sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

OPERAÇÃO - Polícia Rodoviária Estadual lançou a Operação Carnaval


       O Cabo Irmani, que comanda do Posto da Polícia Rodoviária do Porto Ubá (Ubá do Sul) de Lidianópolis, falou a Rádio Nova Era nesta sexta-feira, dia 24 de fevereiro, sobre a "Operação Carnaval 2017". Ele fez alerta e orientações aos motoristas para que dirijam com atenção, revisem os veículos e não cometam imprudências, pois elas são as principais causas de acidentes nas rodovias do Paraná. Ainda no Posto do Porto Ubá, o dia amanheceu com uma movimentação especial, por causa da presença do prefeito de Lidianópolis - Adauto Mandu, do PHS, e funcionários da saúde que foram para o local, se somar aos patrulheiros, para ajudar na conscientização em prol de uma rodovia mais segura e também fazendo outras orientações para que a diversão do Carnaval, seja com cuidadosa em relação as doenças sexualmente transmissíveis. Eles levaram uma faixa com dizeres: "Previna-se contra DSTS e Aids; use camisinha". OPERAÇÃO - PARANÁ - O comando do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), em Curitiba, também informou que intensificou as atividades nos mais de 12 mil km de rodovias estaduais devido ao aumento no fluxo de pessoas que seguem para o Litoral e interior do estado durante o feriado prolongado de Carnaval. As ações iniciaram-se às 14 horas desta sexta-feira (24 de fevereiro) e seguem até às 12 horas de quarta-feira (1º) com bloqueios, abordagens, vistorias, fiscalizações e testes de etilométricos. Até um cão farejador será utilizado no Litoral. “Estamos focados na preservação da vida de todos aqueles que utilizarão as rodovias estaduais para curtirem o Carnaval, seja seguindo para o Interior ou Litoral. Montamos uma operação estratégica com fiscalizações em pontos específicos. Aplicaremos os radares ao longo das rodovias, bem como faremos testes etilométricos”, avisa o comandante do BPRv, tenente-coronel Antônio Zanatta Neto. Os policiais rodoviários acompanharão o fluxo de veículos e reforçarão a fiscalização em diversos trechos para inibir, principalmente, a embriaguez ao volante, além de outras atitudes perigosas no volante como a ultrapassagem em local proibido, o excesso de velocidade e infrações que podem ocasionar acidentes fatais. Serão feitos testes de etilômetro (bafômetro), bloqueios, atividades rotineiras de verificação de documentação e de notificações de trânsito rodoviário, além da aplicação dos radares para o controle de velocidade. De acordo com o comandante do Batalhão, todo o efetivo recebeu instruções sobre as atividades durante a Operação Carnaval. Aos condutores a Polícia Rodoviária orienta cuidar da manutenção do veículo, sendo preciso verificar as condições mecânicas (freios, suspensão e pneus) para evitar problemas. Os motoristas também devem sempre portar os documentos do veículo e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além de estarem em dia com o pagamento de tributos (IPVA, licenciamento e seguro obrigatório). O batalhão orienta ainda que o motorista evite viajar em horários de pico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário