Páginas







 


31/10/2020

POLÍTICA - Ex-governador Orlando Pessuti foi hospitalizado

    O ex-governador Orlando Pessuti foi internado após problemas cardíaco, segundo informações que chegaram ao Blog do Berimbau e Rádio Nova Era. Mesmo hospitalizado, o político enviou uma mensagem a nossa reportagem explicando sobre seu quadro de saúde. "Informo que, nos dias 24 e 25 de outubro, tive sintomas sugestivos de problemas cardíacos. Dia 28 de outubro, realizei consultas, exames de imagem e fui internado. No dia 29 de outubro, fiz cateterismo e permaneci internado para realizar angioplastia em 02 de novembro, de 2020, para colocar mais 02 stents. Segue a luta para seguir nossa vida", disse Pessuti, agradecendo a preocupação e as orações de todos. Orlando Pessuti atua na política paranaense desde 1982, quando exerceu pela primeira vez um mandato como deputado estadual, cargo ao qual foi reconduzido por outras quatro vezes consecutivas, representando a agricultura e os temas de maior relevância à nossa sociedade. Neste período, além de presidente da Assembleia Legislativa, Pessuti idealizou e presidiu o Bloco Parlamentar Agropecuário, participou da elaboração da Constituição do Paraná, lutou contra a venda Copel e se posicionou com firmeza em demais episódios, o que o levaram a se tornar o vice-governador, de janeiro de 2003 a março de 2010 e depois assumiu o Governo do Estado. No primeiro mandato, comandou a pasta da Agricultura e Abastecimento e foi um dos idealizadores dos programas de maior sucesso deste governo, o Leite das Crianças, que além de fortalecer a bacia leiteira paranaense, reduziu drasticamente a desnutrição e mortalidade infantil.

 

ORTIGUEIRA - Polícia Civil prende indivíduo acusado de tráfico

Neste dia 31 de outubro, de 2020, recebemos informações que, no dia anterior, após minucioso trabalho de investigação, a equipe de investigadores, coordenada pelo delegado André Garcia, prendeu indivíduo, de 34 anos, que vinha comercializando cocaína em um estabelecimento comercial localizado às margens da BR 376, na entrada da cidade. No local, foram apreendidas diversas porções da droga, balança de precisão, material para embalagem e cerca de mil reais em dinheiro. Autuado em flagrante, o investigado permanece preso no setor de carceragem da unidade. As investigações continuam e o objetivo é fechar o cerco contra criminosos que comercializam drogas na região. A sociedade agradece o trabalho da Polícia Civil, pois o tráfico dá origem a um série de outros crimes e combate-lo, significa mais segurança e mais proteção para toda comunidade.

APUCARANA - Mandados de busca e apreensão na casa de candidatos

       Neste dia 31 de outubro, na cidade de Apucarana, foram cumpridos 7 mandados de busca e apreensão, em apoio ao Ministério Público Eleitoral,  na figura do Sr. Promotor Eleitoral Eduardo Cabrini. Os mandados foram solicitados pelo promotor e deferidos pela Sra. Juíza Eleitoral Ornela Castanho. Nos locais, sob responsabilidade dos candidatos a vereador na cidade de Apucarana “Deco” e “Tiago Cordeiro”, foram apreendidos material de campanha, documentos, agendas, anotações e computadores, que serão analisados pela Promotoria Eleitoral. Ainda em um dos locais um indivíduo foi preso com uma quantidade grande de dinheiro em espécie.  A operação contou com a presença das equipes da Policia Militar do 10° BPM e da Policia Civil da 17ª Subdivisão Policial bem como do Sr. Promotor Eduardo Cabrini, o qual participou in loco da operação. Também estiveram presentes na operação o Sr. Major Marcos José Fácio, respondendo pelo Comando do 10° BPM e do Dr. Marcus Felipe da Rocha Rodrigues, delegado chefe da 17° Subdivisão Policial de Apucarana. Todos os citados negaram qualquer tipo de crime eleitoral e asseguram que vão provar inocência. 

BORRAZÓPOLIS - Após acidente Graziano comemora recuperação de Ana

      
Neste dia 31 de outubro, de 2020, registramos a foto do carreteiro Graziano Trida e da Ana Luiza, irmã da Ellen e filha do conhecido "Barrerito", que está se recuperando muito bem de um acidente. No dia 26 de agosto, de 2020,  a criança  conduzia uma bicicleta, quando foi colhida pela carreta de Graziano. Após o episódio, que deixou a todos preocupados, Graziano prestou todo atendimento a vítima e se transformou num grande amigo da família.  A preocupação era com o pé de Ana Luiza, pois, incialmente, aventou-se que seria necessário sua amputação. Felizmente, ela se superou e não há mais essa necessidade. Vale ressaltar também a importância do primeiro atendimento, que foi feito no Hospital Municipal,  pelo Dr. Vagner e o apoio do Luiz Rodrigues e o pessoal da Funerária Nossa Senhora de Lourdes, que ajudaram na hora do socorro.   Por fim, parabenizar ainda o Graziano, que teve uma atitude responsável e exemplar em não omitir socorro na hora do acidente e até hoje continua visitando e colaborando com a recuperação de Ellen, que, para ele, é como se tivesse ganhado  uma filha. 

APUCARANA - Cidade termina outubro com 1.619 casos de covid e 49 mortes

 Mais oito casos de Covid-19 foram confirmados neste sábado (31) pela Autarquia Municipal de Saúde (AMS) em Apucarana. Agora, são 1.619 registros da doença. O município segue com 49 óbitos e tem 114 suspeitas em investigação. O número de recuperados chega a 1.485.  Os resultados positivos de Covid-19 foram confirmados pelo Laboratório Central do Estado (Lacen). São cinco homens, incluindo uma criança e um adolescente (8, 15, 27, 33 e 55 anos) e três mulheres (33, 35 e 40 anos). Todos estão em isolamento domiciliar.  O Pronto Atendimento do Coronavírus chegou a 11.259 pessoas atendidas presencialmente desde o início da pandemia. O número de pacientes monitorados atualmente é de 405.  Já foram testadas 13.610 pessoas, sendo 7.581 em testes rápidos, 4.799 pelo Lacen (RT-PCR) e 1.230 por laboratórios particulares (RT-PCR).  São 14 pacientes de Apucarana internados, três na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 11 em leitos de enfermaria.   O município tem 85 casos ativos de Covid-19. BALANÇO MENSAL  -  Com os números divulgados neste sábado (31), outubro chega ao fim com 293 casos. O número é ligeiramente menor em relação a setembro, quando o município somou 296 registros da doença.  O pico da Covid-19 em Apucarana ocorreu nos meses de julho e agosto, que registraram 411 casos em cada mês.

Fazenda libera créditos do Nota Paraná para o IPVA 2021

A partir da meia-noite de domingo (1º de novembro) estará disponível ao contribuinte a opção de fazer a transferência de créditos do Programa Nota Paraná para o pagamento de IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores) referente ao ano de 2021. A transferência pode ser feita até o dia 30 de novembro, sem limite mínimo de valor.  O montante transferido pode ser utilizado para pagar o IPVA em sua integralidade ou em parte, caso os créditos não sejam suficientes para cobrir o valor total. O crédito somente pode ser utilizado nos veículos automotores em propriedade do contribuinte cadastrado (não é possível pagar o imposto para terceiros).  O sistema é totalmente interligado com o Detran/PR, portanto não é necessário preencher número de placa e nem Renavam. Caso o veículo não seja listado no aplicativo ou no site do Nota Paraná, entre contato com o 0800-041-1528.  Para efetuar a transferência, é só acessar a página do Nota Paraná www.notaparana.pr.gov.br fazer o login com CPF e senha, clicar na aba “Minha Conta Corrente” e selecionar “Transferir crédito para pagamento de IPVA”. O sistema de transferência de IPVA fica aberto apenas no mês de novembro, do dia 1º ao dia 30. “É muito importante ficar atento para não perder o prazo”, alerta a coordenadora do programa da Secretaria da Fazenda do Paraná, a auditora fiscal Marta Gambini.  Ainda sobre prazos, Marta reforça que os créditos do programa são automaticamente cancelados após 12 meses (e os créditos referentes a novembro de 2019 expiram no dia 11/11/2020).  Desde 2016, quando foi lançado, o Nota Paraná já liberou mais de R$ 50 milhões em créditos para IPVA. Só no ano de 2019 foram mais de R$ 15 milhões, com 126.968 mil veículos cadastrados.  COMO SE CADASTRAR – Para se cadastrar no Nota Paraná é só acessar o site www.notaparana.pr.gov.br, clicar na opção “cadastre-se” e preencher os dados pessoais, como CPF, data de nascimento, nome completo, CEP e endereço de e-mail para criação da senha pessoal. Para participar dos sorteios é preciso fazer adesão no site.  Para participar, basta se cadastrar no site e aderir ao regulamento. Ao solicitar seu CPF na nota você ganhará um bilhete eletrônico pela primeira compra do mês. Depois, a cada R$ 200,00 em notas fiscais dá o direito a um bilhete para o sorteio de seu respectivo período de adesão. Os prêmios do sorteio poderão ser utilizados para abater do IPVA ou creditados na conta bancária do premiado.  SAIBA MAIS - Tire suas dúvidas sobre a utilização dos créditos do Nora Paraná para pagar IPVA neste LINK

Estado registra mais 747 casos e 10 mortes pelo coronavírus

        A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste sábado (31) mais 747 casos confirmados e 10 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 211.245 casos e 5.165 mortos em decorrência da doença.  INTERNADOS – 595 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados. São 483 pacientes em leitos SUS (243 em UTI e 240 em leitos clínicos/enfermaria) e 112 em leitos da rede particular (37 em UTI e 75 em leitos clínicos/enfermaria).   Há outros 889 pacientes internados, 394 em leitos UTI e 495 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2.   ÓBITOS – A Sesa informa a morte de mais 10 pacientes, todos estavam internados. São quatro mulheres e seis homens, com idades que variam de 27 a 96 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 2 de setembro e 31 de outubro.  Os pacientes que foram a óbito residiam em: Ponta Grossa (3), Bandeirantes (2), Piraquara (2), além de um óbito em cada um dos seguintes municípios: Piên, Piraí do Sul e São José dos Pinhais.  FORA DO PARANÁ – O monitoramento da Sesa registra 2.237 casos de residentes de fora, 51 pessoas foram a óbito.


Ivaiporã confirma mais 2 casos de Covid e chega a 816 confirmados

 O Departamento Municipal de Saúde e a Vigilância Epidemiológica informaram mais 2 casos de coronavírus (Covid-19), no Município de Ivaiporã, neste sábado, 31 de outubro. As confirmações foram feitas por meio de exames de PCR, que foram liberados pelo Laboratório Central do Paraná (Lacen PR). Deste modo, Ivaiporã registra 816 positivados entre os meses de março e outubro, sendo que a taxa de recuperados é de 95,09%. O número de pessoas com o vírus ativo é 21, o que representa 2,57% e a taxa de mortalidade é de 2,32%.

BORRAZÓPOLIS - Cidade vai de 126 para 129 casos de Covid-19


 

SÃO PEDRO - Dois acidente com motocicletas no sexta e sábado

Acidente ocorrido sábado, dia 31 de outubro 
Acidente registrado na sexta-feira, dia 30 de outubro 
   Nos dias 30 e 31 de outubro, sexta-feira e sábado, de 2020, dentro do feriado prolongado de "Finados", foram registrados dois acidentes de trânsito. Na sexta-feira, um Fork Ka, modelo 2021, prata de São Pedro do Ivaí, se chocou com uma Yamaha, ano 2016, modelo MT07, vermelha com placas de Presidente Castelo Branco - SP. O acidente, ocorrido na Av. José Eugênio Irineu, próximo ao local conhecido como Bosque, deixou o motociclista gravemente ferido. Já neste sábado, dia 31 de outubro, a colisão ocorrido no trevo de saída de São Pedro do Ivaí, para a Usina Renuka. A princípio, o condutor ferido, que bateu contra um ônibus, seria de Godoy Moreira. (Agradecimento aos colaboradores) 

ESPORTES - Amistoso veterano entre Borrazópolis e Jardim Alegre

 
      No dia 30 de outubro, de 2020, aconteceu uma partida amistoso, na categoria veteranos, entre Jardim Alegre e Borrazópolis. O embate ficou 03 a 04 com resultado positivo para o time visitante. Em nota, o árbitro e chefe do Departamento de Esportes de Jardim Alegre, Luiz Carlos Pereira (Chocolate), agradeceu Borrazópolis pela ótima partida e pelo bom futebol, assim como os jogadores da casa. O importante não é o resultado, mas sim a integração, interação e o encontro entre amigos.

PARANÁ - Projeto de remodelagem da malha rodoviária (PEDÁGIO)

 Uma matéria do Jornal Nacional destacou o projeto de remodelagem da malha rodoviária paranaense, que vai atender aos novos editais de concessão previstos para 2021, já está em fase final. Desde 2019, quando os governos federal e estadual assinaram um contrato para reestruturar o atual modelo de pedágio, o assunto avançou bastante. Entre as principais mudanças, está o fato de que o Paraná pode ganhar novos trechos de rodovias concessionadas: a PR-323 (entre Maringá e Guaíra), a PR-092 (de Jaguariaíva e Jacarezinho) e a PR-280 (de Francisco Beltrão a Palmas). Algumas rodovias federais também devem fazer parte do novo modelo, como a BR-163 no oeste (Guaíra – Cascavel – Barracão), a BR-153 no norte pioneiro (Santo Antônio da Platina – Alto do Amparo) e a BR-476 no sul do estado (General Carneiro – União da Vitória – Lapa), esta última fazendo parte de uma concessão que corre em outro processo licitatório. Com isso, o total de trechos integrados passaria de 2.500 km para 3.800 km no novo período de concessão. A possível inclusão de 1.300 km está sendo analisada pela Empresa de Planejamento e Logística do Brasil (EPL). O gerente de Assuntos Estratégicos do Sistema Fiep, João Arthur Mohr, explica como está o projeto até o momento: “Temos um anel de integração dividido em seis lotes, administrados por seis concessionárias, totalizando 2.500 km de extensão. Destes, cerca de 1.000 km já são duplicados”, detalha. OBRAS - De acordo com as informações iniciais recebidas da EPL (Empresa de Planejamento e Logística do Governo Federal), e responsável pela proposta da nova modelagem, a execução das obras necessárias está inclusa nos sete primeiros anos da concessão, cujos contratos terão duração de trinta anos. A ideia é que o estado ganhe em segurança e competitividade nas estradas e possa oferecer tarifas menores para os usuários. Se a inclusão dos 1.300 km de rodovias estaduais e federais for aceita, um total de mais 2.400 km serão duplicados. Outras obras previstas são as faixas adicionais, com extensão de 550 km, cerca de 20 contornos, 200 passarelas para travessias de pedestres e mais de 350 intersecções (trevos) em entradas de municípios e cruzamentos entre rodovias. Além disso, a segurança dos caminhoneiros será fortalecida: “Serão construídas áreas de descanso para os motoristas e algumas inovações, como o monitoramento com câmeras fotográficas, que auxiliará no socorro em caso de quebra ou pane, identificação de animais na pista, além de colaborar com a redução de assaltos”, complementa Mohr. REDUÇÃO DE TARIFAS - Um dos pontos mais debatidos pela população e pelos empresários paranaenses é a redução das tarifas de pedágio. Ainda está em discussão qual modelo será adotado para a definição do vencedor do processo licitatório. No modelo tradicional a escolha é pelo consórcio que apresentar o maior desconto sobre uma tarifa estabelecida no edital. O governo federal tem proposto um modelo híbrido, no qual o vencedor seria escolhido de acordo com a oferta de um desconto máximo pré-fixado sobre a tarifa do edital e, em seguida, em caso de empate de propostas, o segundo critério de escolha recairia sobre aquele que oferecesse a maior outorga (valor em dinheiro pela concessão). Esse será o grande debate deste novo modelo, ainda sem definições. Neste momento, não é possível prever um valor final das tarifas, já que os custos podem variar de acordo com o trecho, a distância entre praças de pedágio, o fluxo de veículos e as obras necessárias com seus respectivos cronogramas de execução. O modelo de concessão que está em estudo prevê diversas inovações para as rodovias do Paraná, muitas delas relacionadas justamente à tarifação. O gerente de Assuntos Estratégicos do Sistema Fiep aponta algumas dessas soluções, como o desconto progressivo para usuários frequentes com veículos de passeio, valores diferenciados para pagamento em dinheiro ou tag eletrônica e o free flow, que é a cobrança por trecho rodado. “Essa última depende de mudanças na legislação, mas já está inclusa nos planos. Também está prevista a tarifa diferenciada para rodovias com pista simples ou dupla. Dessa forma, o concessionário é estimulado a acelerar obras de duplicação para poder aumentar sua receita”, explica. OUTRAS INOVAÇÕES - Transporte rodoviário seguro, fretes com preços mais competitivos e comodidades para o usuário. Esses são três pilares fundamentais no novo plano de concessão das estradas paranaenses. A implantação do International Road Assessment Programme (IRAP), sistema internacional de segurança em rodovias, vai ajudar a identificar pontos críticos das estradas para reduzir o índice de acidentes. A partir dessa análise, as concessionárias deverão executar pequenas obras, melhorar a iluminação em pontos críticos e acionar sistemas de segurança para pronto atendimento. “O modelo também prevê sinal de wi-fi em todas as estradas. Os motoristas terão acesso à comunicação mesmo que não haja sinal de celular”, destaca João Arthur Mohr. Para que tudo isso se torne realidade, ainda há algumas tarefas a serem cumpridas. Até o fim de agosto, o governo federal deve definir os lotes e a localização das praças de pedágio, mapear as obras necessárias e concluir a modelagem. Em seguida, vem a fase de audiências públicas abertas à sociedade. A previsão é de que até o fim deste ano o edital para licitação esteja concluído, com publicação no primeiro trimestre de 2021. A licitação seria então feita no início do segundo semestre de 2021 e a concessão iniciaria em novembro do mesmo ano. (Fonte - Jornal Nacional)

ARAPONGAS - Mulher acusa ex-marido de ter atirado contra ela

A vítima estava em um automóvel com sua filha menor, quando os tiros foram disparados em sua direção     
       Na cidade de Arapongas, uma jovem mulher, de 20 anos, disse que o ex-marido, atirou contra ela na Vila Araponguinha, no dia 30 de outubro, às 10 horas. "A solicitante relatou estar deslocamento para sua casa, no seu veículo, com sua mãe e a filha menor, quando na avenida, seu ex-amásio se aproximou e pediu para ela encostar. Nesse momento sacou uma arma de fogo e efetuou dois disparos, mas não acertou elas. Em seguida, a mulher acelerou o carro fugindo. Diante do exposto, foram feitas diligências, mas ninguém foi preso", informou a PM.

FURTOS - Arapongas e Apucarana com furtos de Moto e F.1000

De Arapongas furtaram uma Honda Titan e ainda um Gol. Já em Apucarana, dono de F.1000 afirmou que a caminhonete foi levada da frente de sua casa 
ARAPONGAS - No dia 30 de outubro, de 2020, no Parque Industrial II, às 17h30min, uma mulher disse que deixou sua motocicleta Honda Titan vermelha, placas AQS-9014, estacionada. Ao voltar, notou que havia sido furtada. Ainda em Arapongas, na Vila São João, em 30 de outubro,  foi levado um Gol prata, ano 94, com placas  AER-4416.   O mesmo foi tirado de dentro da garagem, quando a vítima estava ausente.  APUCARANA - Em Apucarana, também em 30 de outubro, foi levada uma F.1000 cinza, com placas JWN, da Rua Maria Batista, no Jardim Figueira. A caminhonete foi furtada em frente a residência do proprietário na noite de 29 para amanhecer dia 30, possivelmente na madrugada.

BRONCAS - Ivaiporã, Rio Branco, São João do Ivaí e Lunardelli

IVAIPORÃ - Abordagem na Praça França. RIO BRANCO - Confusão no Assentamento Egídio Brunetto.  LUNARDELLI - Ameaça na Rua Minas Gerais. SÃO JOÃO - Danos no Sítio São José 
IVAIPORÃ - A Polícia Militar intensificou as ações de patrulhamento na Praça França, após reunião com o Conseg e representantes da prefeitura, para amenizar as confusões que estavam ocorrendo no local, nos finais de semana. Em 30 de outubro, às 22 duas, foram abordados dois indivíduos com garrafas de cerveja nas mãos, um deles de 17 anos. O outro tinha 20 anos, e foi apontado como o comprador da bebida. O detalhe é que ele usava tornozeleira eletrônica e não poderia estar na rua. Com eles, foi apreendida uma sacola com uma garrafa de vodka e energético. RIO BRANCO - No dia 30 de outubro, às 11h50min, no Assentamento Egídio Bruneto, uma moradora disse que foi agredida por uma senhora e um homem, que são irmãos. Relata ainda que a referida agressora, que também mora no assentamento, a acusa de ser o pivô da separação com seu marido. A vítima afirmou que ainda sofre ameaças da irmã da agressora, dizendo que vai atacar a solicitante com faca e tesoura. LUNARDELLI - No dia 30 de outubro, às 22h47min, na Rua Minas Gerais, cidadão disse que estava na beira da rua, em frente o escritório onde trabalha, quando um veículo parou ao seu lado, de forma brusca. Então perguntou para o condutor o que estava acontecendo. Ele respondeu "espera ai’’, e em seguida saiu. A vítima não conhece o condutor do carro e não conseguiu identificar o modelo do veículo, apenas que era de cor vermelha, e interpretou os dizeres dele como uma ameaça. A PM fez buscas, mas nada encontrou. SÃO JOÃO - Em São João do Ivaí, no Sítio São Jose, em 30 de outubro, às 15h00min, um senhor relatou  dano em sua propriedade. Um palanque foi arrancado. Por fim, relatou que não sabe quem fez, mas que tem uma rixa com seu vizinho e em datas anteriores já tiveram discussões a respeito das delimitações das propriedades de ambos. 

Consulta pública aprova modelo cívico-militar em 163 colégios

 O balanço parcial desta sexta-feira (30 de outubro), quarto dia da consulta pública sobre a migração de escolas do sistema tradicional para o modelo cívico-militar, mostrou que a alteração foi aprovada em 163 escolas onde o quórum de votação foi alcançado. Outras 54 escolas continuam a votação na manhã deste sábado (31) e também após o feriado. A estimativa da equipe da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte, que coordena a consulta, é que ainda na noite desta sexta-feira (30) mais 28 escolas, das 54 que ainda estão fazendo consulta, possam atingir o quórum. As demais terão um tempo maior para finalizar o processo na próxima semana. O balanço divulgado no final da tarde aponta que mais de 72 mil pais, estudantes, funcionários de escola e professores já registraram a opinião sobre a proposta de alterar o modelo de escolas. No total, 217 instituições de ensino, em 117 municípios do Paraná, estão com processo de consulta pública aberto para que a comunidade escolar vote. A votação continua neste sábado, das 8 às 12 horas, nas escolas em que o quórum absoluto não tenha sido alcançado ainda. E retoma depois do feriado, com horário das 8h às 20h. O projeto, que criou o modelo Cívico-Militar e a consulta pública, permite a extensão da votação até atingir o quórum necessário. APROVAÇÃO - Para que a implementação seja efetivada, é preciso que mais de 50% das pessoas aptas a votar na escola participem da consulta e que a maioria simples dos votantes (50% e mais um voto) seja favorável ao programa — o maior do país na área, com investimento de cerca de R$ 80 milhões, direcionado a 129 mil alunos. Nos colégios onde a migração for aprovada, haverá implementação da modalidade cívico-militar em 2021. As escolas contarão com aulas adicionais de Português, Matemática e Civismo, permitindo aos estudantes que aprendam sobre leis, Constituição Federal, papel dos três poderes, ética, respeito e cidadania. No Ensino Médio, haverá, ainda, a adição da disciplina de Educação Financeira. Além de questões curriculares, outra mudança trazida pela nova modalidade de ensino — que será aplicada em escolas do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e no Ensino Médio — é a gestão compartilhada entre civis e militares. O diretor-geral e o diretor-auxiliar permanecem sendo civis e as aulas continuam sendo ministradas por professores da rede estadual, enquanto o diretor cívico-militar será responsável pela infraestrutura, patrimônio, finanças, segurança, disciplina e atividades cívico-militares. Haverá, também, de dois a quatro monitores militares, conforme o tamanho da escola. CONSULTA PÚBLICA — É necessário levar documento pessoal com foto para a votação, e recomenda-se que cada pessoa leve sua própria caneta. Pais ou responsáveis votam de acordo com o número de matriculados sob sua tutela na escola, ou seja, uma mãe com três filhos pode votar até três vezes. Estão sob consulta da comunidade colégios em regiões com alto índice de vulnerabilidade social, baixos índices de fluxo e rendimento escolar, conforme a legislação aprovada pela Assembleia Legislativa. As escolas também precisam estar em municípios com mais de dez mil habitantes e que tenham ao menos duas escolas estaduais na área urbana.

APUCARANA - Quatro ladrões invadiram empresa, mas foram presos

        No dia 30 de outubro, na Rua Tamoios, no Bairro Colonial II, era tarde quando foi registrado assalto. Chegou, para a Polícia Militar, uma ligação no 190, relatando o crime numa facção. Três meliantes entraram ao endereço fazendo menção de portar arma e subtraíram valores em reais de uma das funcionárias. Um deles, ficou aguardando em um veículo, sendo que, após o crime, os autores evadiram-se sentido Lagoa Seca. As equipes da PM, de posse das características repassadas e do sentido tomado pelos autores, iniciaram buscas, sendo que na rua Pedro Perozin, foram visualizados quatro indivíduos, um de 23 anos e os demais de 20 anos. Eles foram abordados e identificados, mas nada de ilícito com encontrado, porem foram reconhecidos pelas vítimas através de fotos como sendo os autores. Diante de tais fatos, os acusado foram levados para a Delegacia de Polícia, onde as devidas providências seriam tomadas. Os detidos negaram envolvimento com o crime.

MARUMBI - Cinco são levados para a delegacia acusados de tráfico

  Marumbi, no dia 30 de outubro, às 17h59min, um jovem, de 19 anos, e quatro menores, sendo dois de 15 e dois de 16 anos, foram apreendidos acusados de tráfico de drogas, na Avenida Tiradentes. A denúncia apontava que cinco homens estavam em um VW gol vermelho, na área central desta cidade e, possivelmente, armados. Com apoio da equipe do Destacamento de Bom Sucesso, foram abordados os suspeitos. Ao ser realizada a busca pessoal, não foi encontrada nenhuma arma de fogo, entretanto, foi localizado próximo a eles, 45 envólucros, contendo substância análoga a maconha; 11 envólucros contendo crack; duzentos e dezoito reais em espécie; além de cinco aparelhos celulares e uma bicicleta. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao maior e apreensão aos adolescentes, sendo todos conduzidos para a delegacia de polícia civil, em Jandaia.  Uma familiar do jovem, de 19 anos, disse que o nome dele é Júlio Cezar e que ele não é traficante e que não ficou preso, portanto é inocente. Num contato com a Civil, foi informado que o entorpecente estava próximo a um menor, o qual assumiu a droga, livrando os demais de qualquer acusação.   

BORRAZÓPOLIS - Ameaça, confusão e apreensão de cigarro de maconha

     No dia 30 de outubro, em Borrazópolis, a Polícia Militar foi acionada para atender três ocorrências. O Destacamento, por meio da 6ª Companhia da Polícia Militar, de Ivaiporã, divulgou apenas alguns detalhes. AMEAÇA - Por volta das 15 horas, na Rio Grande do Sul, uma senhora relatou que, enquanto caminhava com sua mãe, pelo endereço, seu ex-genro, dirigindo o veículo VW/Gol, de cor cinza, jogou o carro para cima dela, com intuito de  promover um atropelamento. Que após isto, ainda passou por diversas vezes fazendo manobras perigosas. Como não foi divulgado o nome do acusado, não conseguimos ouvir sua versão sobre os fatos. CONFUSÃO - Por volta das 16 horas, de 30 de outubro, na Rua Osório Michelin, um homem disse que foi agredido por seu filho. Ao chegar ao local, o filho disse que jamais agrediu o pai, mas afirmou que ele, o genitor, sempre chega alcoolizado e promove confusões. Policiais informaram que era possível perceber que realmente o pai estava com odor etílico. DROGA - No dia 30 de outubro, às 23h45min, na Rua Piauí, em patrulhamento, policiais passaram por uma construção e avistaram dois indivíduos, um deles, ao perceber a viatura policial, evadiu-se para os fundos, sendo acompanhado e localizado escondido em um dos cômodos. Era um jovem, de 21 anos, com a mão direita com vestígios de areia. Indagado, confessou que havia escondido um cigarro de maconha em um monte de areia. O referido cigarro, foi encontrado e apreendido. O jovem foi levado para o Destacamento, foi foi confeccionado um Boletim  de Termo Circunstanciado e depois liberado.  

ACIDENTE - Caminhão de Tijolos espedaçado entre Nova Tebas e Manoel Ribas

    No dia 30 de outubro, de 2020, a Polícia Rodoviária de Pitanga, foi acionada para atender um acidente, no final da tarde, na PR-487, entre Nova Tebas e Manoel Ribas, próximo a Vila Nova dos Alemães, a princípio onde já é município de Pitanga.  Por telefone, os Patrulheiros Rodoviários informaram o repórter Ronaldo Senes, o "Berimbau", que trata-se de um Mercedes Benz, modelo 1620, branco, placas de  Roncador. Também que o caminhão perdeu os freios, carregado com tijolos. O motorista, N. S., de 43 anos, poderia ser mais uma vítima fatal, mas antes que  houvesse o tombamento e capotamento, ele saltou do veículo em movimento, sofrendo apenas escoriações.  A rodovia chegou a ficar interditada. As fotos foram enviadas por um colaborador. Já o vídeo, não conseguimos apurar a autoria. 

30/10/2020

FAXINAL - Curso de “Formação de Docentes” no Érico Veríssimo

  Em Faxinal, estão abertas as inscrições para o Curso Profissionalizante “Formação de Docentes” para o ano de 2021 no Colégio Estadual Érico Veríssimo de Faxinal/Paraná. As inscrições deverão ser feitas, presencialmente, na secretaria do CEEV, até o dia 20/11/2020 no período da manhã – 08:00 às 11:00h e no período da tarde – 13:00h às 16:30h. DOCUMENTAÇÃO - Documentos necessários para a inscrição: Ficha de inscrição – preencher na secretaria do CEEV; RG e CPF do candidato – original e cópia; histórico escolar ou declaração para alunos em curso no 9º ano do Ensino Fundamental e declaração emitida pela Instituição de Ensino - somente para os alunos bolsistas da Rede Privada. Também termo de ciência do estágio obrigatório – preencher na secretaria do CEEV. INFORMAÇÕES -  Maiores informações/Fones – 43 3461 1579/CEEV ou 43 9 9937 6500. As informações são da Coordenadora do Curso, Marines Trizotti e Diretora Pedagoga, Marilza Rios Turra.

TRÁGICO - Acidente gravíssimo na saída de Ortigueira para Mauá

O acidente envolveu um Gol de Ortigueira e uma Amarok da cidade de Arapongas   
   Na Rodovia BR-376,  no km 347, saída de Ortigueira para Mauá da Serra, depois da ponte do Rio Formiga, foi registrado um violento acidente envolvendo um Gol e uma  Amarok na tarde deste dia 30 de outubro, de 2020.  O Gol, com placas IEU,  ano 96, do município de Ortigueira e  a Caminhonete, placas BAE, ano 2016, da cidade de Arapongas.  Em nota, a Polícia Rodoviária Federal informou que a batida às   17h40 e foi do tipo colisão frontal.  "O VW/Gol deslocava-se no sentido Ortigueira - Mauá da Serra, quando o condutor perdeu o controle da direção e invadiu a pista contrária, atingido frontalmente a caminhonete VW/Amarok, que por sua vez deslocava sentido Curitiba. Com o impacto, o condutor de V1, senhor de 50 anos de idade, não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito no local. O passageiro foi socorrido com lesão grave, encaminhado pelo SIATE para Hospital de Telêmaco Borba. O condutor da Amarok, de  33 anos, juntamente com sua esposa e filha foram socorridos pela equipe médica da concessionária CCR Rodonorte com ferimentos leves", informou a Polícia Rodoviária Federal.  O corpo do condutor do VW/Gol foi encaminhado  para IML de Ponta Grossa. Uma equipe da PM de Ortigueira esteve presente no local, bem como  o socorro médico da concessionária CCR Rodonorte. O Trânsito seguiu lento no local, sendo orientado pela equipe PRF e colaboradores da concessionária, pelo sistema para e siga.  

SAÚDE - Entrevista com o Ginecologista Dr. Rafael Tomyoshi

Direto da Clínica Humanamed de Faxinal o conceituado médico fez várias orientações sobre a saúde da mulher 
 Neste dia 30 de outubro, de 2020, o entrevistado da Rádio Nova Era e do Blog do Berimbau, foi o Ginecologista Dr. Rafael Tomyoshi. Ele falou com a nossa reportagem direto da Clínica HUMANAMED, de Faxinal, onde faz atendimentos de consultas. O intuito da entrevista, foi abordar o tema "Saúde da Mulher" e levar, a elas, informações importantes com um jovem e conceituado médico, que é o Dr. Rafael. Durante a entrevista, ele respondeu alguns questionamentos, entre eles: Quando uma  mulher deve ir pela primeira vez ao ginecologista; como escolher o melhor anticoncepcional; com qual frequência é indicado fazer o preventivo; quais são as queixas mais comuns e com quantas semanas se deve iniciar o pré natal. Dr. Rafael, também comentou sobre a menstruação desregulada, informado que esse problema não é algo normal e que as mulheres devem buscar atendimento. No link de de vídeo, ouça a entrevista com as respostas e com outras informações importantes.  Lembramos  que a
 Humanamed, inovando mais uma vez, traz para Faxinal, e todo o norte do Paraná, o médico Ginecologista e Obstetra. Realizando consultas e exames como: Colposcopia, Ultrassom durante a consulta, Pequenas cirurgias, Chip da Beleza, colocação de Diu e Mirena, Preventivo, Cauterização de Colo de Útero, Conização e muito mais. 

Ivaiporã confirma mais 10 casos positivos de Covid (30/10)

 O Departamento Municipal de Saúde e a Vigilância Epidemiológica informaram mais 10 casos positivos de coronavírus (Covid-19), no Município de Ivaiporã, nesta sexta-feira, 30 de outubro. A confirmação foi feita por meio de exames de PCR, que foram liberados pelo Laboratório Central do Paraná (Lacen PR).  Deste modo, Ivaiporã registra 814 casos positivados entre os meses de março e outubro, sendo que a taxa de recuperados é de 95,08%. O número de pessoas com o vírus ativo é 21, o que representa 2,57% e a taxa de mortalidade é de 2,33%.

PARANÁ - Dia 30 de outubro, com 30 óbitos de infectados com a Covid

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta sexta-feira (30) mais 861 casos confirmados e 30 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 210.500 casos e 5.155 mortes em decorrência da doença. INTERNADOS – Nesta sexta-feira (30) são 609 pacientes internados com diagnóstico confirmado de Covid-19. Destes, 497 ocupam leitos SUS (247 em UTI e 250 em enfermaria) e 112 leitos da rede particular (37 em UTI e 75 em enfermaria). Há outros 939 pacientes internados, 411 em leitos UTI e 528 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2. ÓBITOS – A secretaria estadual informa a morte de mais 30 pacientes. Todos estavam internados. São 15 mulheres e 15 homens com idades que variam de 44 a 96 anos. Os óbitos ocorreram entre 27 de junho a 30 de outubro. Os pacientes que faleceram residiam em São José dos Pinhais (5), Maringá (4), Apucarana (2), Foz do Iguaçu (2), Londrina (2), Paranaguá (2), além de um óbito em cada um dos seguintes municípios: Antonina, Bandeirantes, Bela Vista do Paraíso, Campina Grande do Sul, Castro, Guaraci, Guaratuba, Itapejara d’Oeste, Marechal Cândido Randon, Missal, Morretes, Porecatu e Rancho Alegre. FORA DO PARANÁ – O monitoramento registra 2.230 casos de pessoas que não moram no Estado – Destas, 50 foram a óbito. Confira o informe completo.

JANDAIA - Mulher denuncia marido que a agrediu com socos

       Neste dia 30 de outubro, de 2020, por volta das 11 horas, na Rua Pirapó, na Vila Paião, a Companhia da Polícia Militar de Jandaia do Sul, comando do Tenente Thiago Mendes, foi acionada para registrar uma violência doméstica, cuja vítima tem 50 anos e seu esposo, 49 anos. A ocorrência começou quando a solicitante fez contato informando que seu companheiro teria promovido agressões contra ela. De imediato, os soldados foram para o local, instante em que a mulher passou a informar que foi atacada com socos, mas que não restaram marcas aparente. Mesmo assim, apresentou seu desejo de representar contra o autor. O homem foi encontrado a poucos metros do endereço, onde recebeu voz de prisão e foi encaminhado para delegacia de policia para ser tomadas as devidas providências.

SÃO PEDRO - Ladrões atacam cemitério na semana de "Finados"

     Moradores de São Pedro do Ivaí, fizeram contato com o Blog do Berimbau e a Rádio Nova Era, para fazer uma reclamação. Segundo eles, com a proximidade do feriado de "Finados", quando as pessoas investem no conserto e ornamentos para os túmulos, em homenagem aos entes queridos, ladrões estão aproveitando para praticar furtos e também cometer atos de vandalismo. "Eles furtam flores, quebram as partes de vidro e desaparecem com os mais diversos objetos", disse um morador. Uma senhora, de nome Maura, encaminhou fotos de uma Capela existente no túmulo de seus pais. Segundo ela, foi feita a limpeza e a colocação de cortinas, mas, neste dia 30 de outubro, ao chegar no cemitério, constatou que a vidraça foi quebrada, as cortinas haviam sido arrancadas, pisoteadas e jogadas. "Inicialmente achei que tinham furtado, mas depois as encontramos todas suja e jogadas, assim como vasos de flores", disse Maura. De um outro jazigo, recebemos fotos do vidro da Capela quebrado. Os cidadãos pediram providências em relação aos fatos.   Moradores informaram  que não conseguiram registrar o boletim, devido ao fato do Destacamento local estar atendendo a dois municípios, por conta da falta do efetivo, mas pediu que a reportagem encaminhasse as fotos para a PM.  

CRUZMALTINA - Em tempos de Pandemia grupo de Whatsapp reencontra amigos

   Com o domínio da internet em praticamente todos os setores, muito se fala a respeito do uso das redes sociais em nossos dias, o que acabou crescendo ainda mais devido à inviabilidade de encontro presencial, em razão do distanciamento social que se tornou necessário, motivado pela pandemia que assola o planeta. Mas um fato curioso está acontecendo em Cruzmaltina, cidade de 3 mil habitantes, no Vale do Ivaí/PR, onde um ex-morador do lugar teve a ideia de criar um grupo de WhatsApp para tentar reencontrar amigos; a iniciativa deu certo, em 4 meses mais de uma centena de amigos de longa data puderam se reencontrar no grupo, e mesmo virtualmente estão recordando o passado e matando saudades do tempo de infância. Na verdade é próprio do ser humano o saudosismo pelo lugar onde nasceu e viveu a infância e juventude, período quase sempre marcante na vida das pessoas, e não foi diferente para o cruzmaltinense Mário Francisco de Paula, que em 1975, aos 12 anos de idade, deixou a terra natal, e na companhia dos pais foi para Curitiba, onde reside na região da Colônia Orleans. Filho de Geraldo Francisco de Paula, conhecido Cilico carroceiro e dona Maria Domingues Machado de Paula, conta que a saudade era constante e 12 anos se passaram, quando em julho de 1987 se aventurou a visitar Cruzmaltina, chegou de ônibus durante a madrugada, e sem ter a quem recorrer dormiu num banco de madeira na rodoviária, e confessa: “foi a noite mais longa da minha vida”. Mas nem isso conseguiu tirar-lhe a alegria na manhã seguinte, e foi rever vários pontos tanto da área urbana como também rural, que tinha na lembrança, para matar saudades. Desde então retornou por várias vezes a passeio, inclusive trazendo os pais para rever amigos e a cidade, numa clara evidência de que o carinho por Cruzmaltina sempre existiu. Foi então que retornando da última visita que fez em janeiro último, teve a ideia de criar um grupo de WhatsApp, com o objetivo de oportunizar o reencontro de amigos de infância do lugar. Assim o Grupo “Lembranças de Cruzmaltina” foi criado em 14 de junho de 2020, e desde então tem provocado grande satisfação aos mais de cem membros adicionados, que graças a essa oportunidade puderam se reencontrar e hoje relembrar estórias e histórias construídas desde a existência da cidade, que já passou por Mamoré, Jardim Flórida, Lascado e finalmente Cruzmaltina. Inicialmente o grupo focou em postagens de fotos antigas dos anos 60, 70 e 80. Motivado pelo isolamento social em razão da pandemia que se vive, o grupo passou a ter maior importância na vida de seus integrantes, e acabou se transformando em um ponto de encontro diário, onde se revive momentos e histórias lindas dos idos tempos de infância. Se tornou o local onde se divulgam homenagens especiais às famílias e pessoas, desde datas festivas até brincadeiras sadias, chegando a ser considerado uma verdadeira terapia, atualmente com mais de duas mil fotos publicadas, em seu acervo. Afinal, são mais de uma centena de pessoas espalhadas, que vivem saudosamente suas raízes, em cidades e regiões além fronteiras, até então identificadas nos estados de Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rondônia, e que seguirá reencontrando amigos de infância há mais de 40 anos distantes, grupo esse que vislumbra novos horizontes e espera crescer muito mais na medida em que forem chegando novos integrantes espalhados mundo a fora, na certeza de que o céu é o limite. Para comemorar as conquistas, o grupo está organizando um encontro de confraternização em Cruzmaltina para assim que terminar a pandemia, e promete muitas atrações. (Texto: João Pedro Taborda) (Novas adições: 41-99590-9662 - Mário)

Educação publica edital de seleção de professores temporários para 2021

     A Secretaria de Estado da Educação e do Esporte do Paraná publicou nesta quinta-feira (29/10) o edital do Processo Seletivo Simplificado (PSS), que vai selecionar professores temporários para darem aulas em 2021. A novidade neste ano é a aplicação de uma prova de conhecimento da área em que o professor se inscreveu e pretende dar aula. Continuarão a fazer parte do processo seletivo a prova de títulos e o tempo de serviço – mesmos critérios utilizados em anos anteriores. Não haverá a prova de redação e banca como originalmente planejado. A decisão pela não utilização destes formatos de avaliação foi tomada após ampla discussão com os professores. “Estamos aprimorando o processo de seleção da nossa rede, ao mesmo tempo em que mantemos a valorização dos profissionais que já contam com uma titulação e experiência, e que compartilham de uma caminhada com a gente”, disse o secretário estadual da Educação e do Esporte, Renato Feder. As inscrições para participar do PSS começam no próximo dia 06 e vão até o dia 23 de novembro por este site O edital prevê a oferta de 4 mil vagas, com a possibilidade de ampliação de acordo com a necessidade de substituição na Rede Estadual de Educação. A prova do PSS será aplicada pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). É importante destacar que a prova de conhecimentos servirá para efeito de classificação e não será eliminatória. Para participar os candidatos deverão pagar taxa que varia de R$ 60,00 (para uma disciplina) a R$ 105,00 (para duas disciplinas). ISENÇÃO - Inscritos no CadÚnico (beneficiados por programas sociais do governo), doadores de sangue e de medula óssea, além de prestadores de serviço da Justiça Eleitoral (como mesários) têm isenção da taxa. A solicitação da taxa de isenção vai das 10h do dia 03 às 18h do dia 06 de novembro. Cada candidato pode se inscrever em apenas um Núcleo Regional de Educação (NRE), podendo optar por até dois municípios do núcleo. Na sequência, poderá escolher uma ou duas funções, disciplinas, áreas do conhecimento ou eixos da educação profissional. O edital contém mais informações sobre as ofertas. TÍTULOS - Para facilitar as inscrições, o candidato deverá cadastrar seus documentos em ambiente virtual, que vai permitir anexar os títulos. Esses documentos vão representar até 40 pontos do processo de seleção, valendo diplomas de pós-graduação, como de especialização, mestrado ou doutorado. A prova de títulos vai compreender também o tempo de serviço – cada ano de magistério vai contar 3 pontos, com máximo de 21 pontos (dentro dos 40 totais). A quantidade de questões das provas vai depender da quantidade de disciplinas/eixos tecnológicos selecionados na inscrição. O tempo máximo para realização da prova também vai depender das opções selecionadas na inscrição. As provas vão acontecer no dia 13 de dezembro, e serão realizadas nas cidades-sede dos Núcleos Regionais de Educação. No dia da avaliação serão adotadas todas as medidas de proteção necessárias em razão da pandemia de Covid-19. DIÁLOGO - Após várias reuniões com professores acerca do novo PSS, a Secretaria optou por não incluir a prova de redação e banca, deixando apenas a prova objetiva como acréscimo no processo seletivo. Ou seja, a nova seleção valoriza profissionais experientes e ao mesmo tempo abre novas oportunidades. GRUPOS DE RISCO - Parte dos profissionais selecionados irá substituir professores do grupo de risco do Covid-19 sem possibilidade de atuar presencialmente. Entretanto, a prova e a seleção estão abertas a todos os profissionais, inclusive aos candidatos do grupo de risco. A realização da prova seguirá todo um protocolo de segurança aprovado pela Secretaria de Estado da Saúde. A classificação ao profissional do grupo de risco está garantida e será mantida – e ele será chamado assim que acabar a situação emergencial da pandemia.

Safra paranaense de verão deve chegar a 24 milhões de toneladas

  A expectativa de produção para a safra paranaense de verão 20/21 aponta para um volume de 24,4 milhões de toneladas de grãos. A área plantada deve ocupar 6,09 milhões de hectares, segundo relatório mensal do Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria da Agricultura e Abastecimento, divulgado nesta sexta-feira (30). O relatório mostra ainda que a produção de trigo apresenta um recuo em relação às expectativas iniciais, mas ainda assim será a maior produção no Estado nos últimos três anos. Com a concretização de um volume de 3,1 milhões de toneladas de trigo, a safra total de grãos do Paraná, no período 2019/20 está sendo finalizada, devendo atingir um volume total de 40,65 milhões de toneladas, 13% a mais que o período anterior. Apesar de ainda irregulares, as chuvas que ocorreram no Estado nas últimas semanas contribuíram com a recuperação do plantio da safra de grãos de verão 2020/21 que estava bastante atrasado. Houve recuperação no plantio de soja, milho, feijão e também foi a acelerada a colheita do trigo, que está em processo de finalização. Para o diretor do Deral, Salatiel Turra, a estiagem começa a recuar a tempo, o que demonstra um alento aos produtores que estão acelerando o plantio das lavouras em todo o Estado. Segundo Turra, a cotação do dólar, elevada frente ao real, repercute na decisão de plantio dos produtores. Por outro lado, os produtores estão à mercê do comportamento do clima daqui para frente, disse. SOJA - Segundo o economista do Deral, Marcelo Garrido, com a volta das chuvas, mesmo que irregulares, houve recuperação no plantio de soja que avançou para 61% da área prevista, correspondendo a um total de 3,4 milhões de hectares. Há um ano foram ocupados 3,54 milhões de hectares. “Ainda há atraso em relação à safra passada, mas a volta das chuvas propiciou os trabalhos nas últimas semanas”, disse Garrido. Ele ressalta que chuvas irregulares é uma das principais características do fenômeno climático La Niña, mas a expectativa é que elas ocorram em momentos importantes do ciclo para garantir uma boa safra. As regiões mais afetadas pelo clima foram o Oeste e Sudoeste do Estado, que plantam a soja antes. Segundo Garrido, o clima deste ano está muito semelhante ao ano passado quando houve uma estiagem no início do plantio e depois o volume de chuvas foi bom e recuperou o plantio, garantindo um bom desenvolvimento das lavouras e o resultado foi o maior nível de produtividade da soja em relação a anos anteriores. “A expectativa do produtor é repetir esse cenário este ano”, afirmou. Com uma área de 5,55 milhões de hectares previstas para a soja em todo o Estado, a estimativa de produção aponta para um volume de 20,5 milhões de toneladas, levemente inferior à colhida no início deste ano. Cerca de 40% da produção estimada para a safra 20/21, que corresponde a um volume de oito milhões de toneladas do grão, já foi vendida. Isso representa o dobro do ano passado, quando nessa mesma época tinham sido vendidas em torno de 3,8 milhões de toneladas. A pré-venda acelerada está ocorrendo em função da elevação da demanda no mercado mundial, capitaneado pela China, e da cotação do dólar alto, em torno de R$ 5,80. Há um ano, o dólar estava cotado a R$ 4,00. Nesse período a soja teve uma valorização de 87%, passando de R$ 75,00 a saca há um ano para R$ 141,00 a saca no mês de outubro. MILHO - O plantio de milho de verão, que deve ocupar uma área de 360 mil hectares, está quase concluído com 92% da área já ocupada. A estimativa é para uma produção de 3,45 milhões de toneladas para a primeira safra. O Deral também está finalizando a avaliação da segunda safra de milho correspondente à temporada 2019/20 que deve atingiu um volume de 11,7 milhões de toneladas, o que consolida uma perda de 1,5 milhão de toneladas na revisão dos números, disse o analista do Deral, Edmar Gervásio. Com isso, as duas safras de milho estão consolidando um volume total de 15 milhões de toneladas de milho produzidas no Paraná no ano agrícola 2019/20. Segundo Gervásio, é um bom volume, embora inferior ao potencial de produção de milho no Estado que vai de 17 a 19 milhões de toneladas nas duas safras anuais. A expectativa dos produtores, agora, é com a elevada possibilidade de concentração do período de plantio de milho da segunda safra no início de 2021, por causa do atraso do plantio da soja. “Uma área sucede a outra”, disse o analista. “Isso significa que aumentam os riscos para o produtor. Sem escalonamento de plantio, qualquer ocorrência climática mais grave como chuvas em excesso, geadas ou seca pode atingir as lavouras de uma só vez e aí o estrago pode ser bem maior, explicou Gervásio. Os preços do milho também estão valorizados pelos mesmos motivos da soja: elevação da demanda no mercado mundial e valorização do câmbio. O preço do milho mais do que dobrou em um ano, passando de R$ 31,41a saca em outubro de 2019 para R$ 60,55 a saca este ano, uma alta de 92,7%, quase atingindo a paridade com o mercado internacional cuja cotação é de R$ 75,00 a saca. O preço do milho está muito bom para o produtor, disse Gervásio, mas influencia outras cadeias produtivas como as do frango e suínos. Essas cadeias, extremamente dependentes do milho, ficam mais apreensivas com a possibilidade de problemas com o clima na safrinha. FEIJÃO - O feijão é o grão que mais avançou no plantio com as chuvas das últimas semanas. Em setembro, havia apenas 31% da área prevista plantada. Agora, são 92% da área já semeada, o que representou um avanço de 61 pontos percentuais, igualando com a média de anos anteriores, disse o engenheiro agrônomo do Deral, Carlos Alberto Salvador. Cerca de 80% das lavouras estão em boas condições, as melhores dos últimos cinco anos. Se permanecerem assim até a colheita, será uma boa safra. O feijão de primeira safra deve ocupar uma área total de 149 mil hectares, que representa uma leve redução de 2% em relação ao ano passado. A safra esperada é de 300 mil toneladas, volume 5% inferior ao da safra anterior, que totalizou 316 mil toneladas. A expectativa agora é como o clima pode influenciar na safra, disse o analista. Como o feijão é uma planta de ciclo curto, em torno de 90 dias, a colheita está prevista para a segunda quinzena de dezembro, com mais intensidade entre janeiro e fevereiro. O produtor ainda pode se beneficiar dos preços do feijão, mais altos este ano, apesar do consumo já ter recuado um pouco. “O consumidor colocou o pé no freio com os preços altos nos últimos meses e o comércio ficou mais lento”, disse Salvador. O preço do feijão de cor está cotado em torno de R$ 254,97, uma valorização de 72% em relação a outubro do ano passado quando o produto era vendido por R$ 148,00 a saca. O feijão-preto teve uma valorização de 108% no mesmo período. O aumento nos preços foi provocado pelo consumo maior, em função da pandemia. Neste momento, segundo o técnico, a oferta de feijão no mercado é baixa, mas os preços não se elevaram mais ainda por causa no recuo da demanda. Ele salientou, porém, que há uma incerteza no mercado de uma possível safra menor de feijão no País e também estoques baixos para o abastecimento nacional, que pode levar a uma nova onda de aumento nos preços. CAFÉ - Diferente de culturas anuais, o café, como uma cultura perene, vem sofrendo os efeitos da estiagem desde o seu início. A falta de chuvas que ocorreu desde março deste ano está impactando no potencial de produção da safra de 2021, disse o economista do Deral, Paulo Franzini. Em setembro, a seca atrasou o início das floradas, mas que foram recuperadas com a volta das chuvas neste mês de outubro. “A abertura das floradas, primeiro parâmetro de medição da próxima safra, foi mais uniforme e mais intensa”, disse Franzini. As primeiras previsões da safra de café de 2021 serão feitas em dezembro. A safra de 2020 foi concluída com um volume de 943 mil sacas de 60 quilos, cerca de 1% maior que o ano passado, que já foi 10% a 15% inferior ao potencial de produção. Também impactada pela estiagem, disse Franzini. A falta de chuvas favoreceu a colheita mais rápida da safra deste ano, com a aceleração da maturação dos grãos. Embora menores, por causa da falta de chuvas, os grãos da safra 2020 estão resultando em bebida de boa qualidade. Cerca de 55% da safra de café 2020 já foi vendida com um preço médio de R$ 466,00 a saca. Um aumento 20% em relação ao ano passado quando foi vendido a um preço médio de R$ 387,00 a saca. Mas o preço foi inferior a maio deste ano quando a saca de café foi comercializada por R$ 515,00. Segundo Franzini, o preço atual do café remunera pouco o custo de produção, principalmente na colheita manual que representa 70% do café plantado no Paraná. Apenas 30% da cultura no Estado tem a colheita mecanizada. O técnico antecipa que poderá haver redução na área ocupada com café no Estado para ceder mais espaço para a soja, cujo grão está mais valorizado no mercado. Muitos produtores estão optando por arrendar suas terras para o plantio de soja. Isso também afeta o potencial de produção para a próxima safra, destaca. Este ano a área ocupada com café deve fechar em torno de 38 mil hectares, inferior ao ano passado quando a cultura ocupou 40 mil hectares. Leia mais no link abaixo)

ORTIGUEIRA - Polícia recupera veículo e apreende pés de mocanha

Uma denúncia levou a Polícia Militar até o Lajeado Bonito.  Num rancho existente no local, havia um carro furtado e droga plantada. Os suspeitos fugiram  
       No dia 29 de outubro, de 2020, por volta das 13h20min, a Polícia Militar, de Ortigueira, recebeu uma ligação informando que havia um GM Onix preto, escondido atrás de um Rancho em uma estrada secundária, na localidade do Lajeado Bonito. Também que, no local, moravam 03 masculinos, os quais estavam vendendo drogas. Quando a viatura chegou ao local, foram visualizado dois homens dentro da casa, os quais pularam a janela dos fundos e fugiram para o mato. No carro denunciado, se constatou que havia alerta de furto e, por fim, nos fundos do imóvel, foram localizados 03 pés de maconha, ambos plantados em baldes. Embaixo de um colchão, também havia uma munição de calibre .22 intacta e outra deflagrada. Tudo foi apreendido e levado para a Delegacia de Polícia Civil, que vai prosseguir as investigações.  

MARILÂNDIA - Jovem com passagens por furto arromba mais uma Loja

   Em Marilândia do Sul, no dia 29 de outubro, de 2020, um jovem, de 18 anos,  foi detido na Rua XV de Novembro. Chegou denúncia que a Loja  Marlene Modas, estava sendo arrombada. Ao chegar ao local, os soldados avistaram um indivíduo com as características repassadas. Ao ser dada voz de abordagem, ele tentou evadir-se, mas foi contido pela equipe. Ele estava com uma barra de ferro na mão e continuou resistindo a abordagem, sendo necessário uso de algema. O abordado foi identificado e já era conhecido no meio policial por diversos furtos. Ao ser indagado, confirmou que tentou furtar a referida loja, chegando a quebrar um vidro de blindex. A proprietária da empresa, compareceu ao local e verificou o dano. Foi colhido o depoimento de um rapaz, de 29 anos, o qual confirmou que mora ao lado e estava na janela, quando percebeu meliante praticando o furto e acionou o 190.   Também afirmou que, quando o ladrão percebeu que havia sido visto, tentou fugir, mas foi alcançado pela PM.  Somente na penúltima prisão do indivíduo, a acusação era de furto em pelo menso cinco estabelecimentos comerciais.  

APUCARANA - Tráfico de drogas no Parque Bela Vista e no Bairro Jaçanã


      No dia 29 de outubro, de 2020, três casos de tráfico de drogas foram registrados em Apucarana. Um deles já foi relatado em outra reportagem que consta no Blog do Berimbau. O segundo caso, foi na Rua Etilio Carleto, no Parque Bela Vista. A Equipe ROCAM, em patrulhamento, avistou jovem, de 20 anos, que, ao perceber a aproximação da equipe, com um movimento rápido com a mão, dispensou algo, que eram porções de maconha, sendo estas posteriormente localizadas, totalizando cinco, sendo todas de maconha e prontas para comercialização. O jovem já possui passagem por tráfico de drogas no estado de Mato Grosso, em 2018. Ele mesmo informou que foi preso com a quantia de 60 kg de maconha. Também foi preso em 2020 pelo mesmo crime. Ao deslocar a casa do rapaz, foram localizados mais 162 gramas, dinheiro e bilhetes com conteúdos referentes a tráfico de drogas. OUTRO CASO - No dia 29 de outubro, na Rua Teodoro Frankolin Faila, no bairro Jaçanã, a PM recebeu informações que um jovem, de 19 anos, estava em frente da sua residência, fazendo a comercializado de entorpecentes. Ao ver a viatura, ele saiu correndo, mas foi contido no quintal. Em sua calça havia duas porções de maconha e dinheiro. Nos fundos da casa, também havia mais porções de droga, totalizando 112 gramas.

SÃO JOÃO - Homem foi conduzido por força de mandado de prisão

  Em São João do Ivaí, um homem foi detido, por conta de uma mandado de prisão por desacato, resistência e lesões corporais. A prisão ocorreu em 29 de outubro, de 2020, às 16h00min, na Rua Juscelino Kubitschek. Em nota, foi informado que a ROTAM, de posse de informações e características de que uma pessoa que estava com ordem de internação, pela vara criminal de São João do Ivaí, foi até o endereço, sendo requisitado o procurado, o qual apresentou-se com as características repassadas. Em busca pessoal, nada de ilícito foi localizado. Ao ser consultado documentos, foi constatado o referido mandado, sendo então orientado e conduzido até a Delegacia de Polícia.

IVAIPORÃ - Comunidade escolar rejeita colégios cívicos-militares

O material, a direita, foi distribuído em Ivaiporã.  Um pai taxou de jogo sujo contra o novo sistema, que é importante para a educação 
 Uma nota publicada pelo Jornal Parana Centro, revela que os 
 colégios de Ivaiporã, Idália Rocha e Antônio Diniz Pereira, que haviam sido selecionados para o projeto das escolas cívicos-militares não tiveram aprovação da comunidade escolar para implantação do modelo. Na cidade, houve uma campanha forte da APP-Sindicado, inclusive, o professor Sergio Chaves, presidente local da entidade, falou a nossa reportagem.  Na reportagem do Jornal, foi informado que, ao final da votação, encerrada na noite de quinta-feira, 29 de outubro, que envolveu pais, responsáveis, professores e funcionários, além de alunos maiores de idade, 237 pessoas compareceram para votação no Colégio Antônio Diniz, enquanto 363 pessoas votaram no Colégio Idália Rocha. De acordo com o Núcleo Regional de Educação de Ivaiporã, no Colégio Antônio Diniz, foram 62 votos a favor da implantação do modelo proposto pelo Governo do Estado e 175 votos contrários. No Idália Rocha, a soma final ficou em 151 a favor e 212 contra. O chefe do Núcleo Regional de Educação de Ivaiporã, Valber Clarimundo, lamentou que os dois colégios de Ivaiporã tenham perdido a oportunidade de ter um modelo de escola que é sucesso no Brasil e no mundo.  Na imagem, a direita, há um material que foi imprimido e distribuído em Ivaiporã. Alguns pais,  que são favoráveis, taxaram de jogo sujo  contra  o novo sistema que é importante para a educação. 

Paraná prorroga campanha para atingir meta de vacinação contra poliomielite

   Devido à baixa taxa de cobertura e de adesão da população, a Secretaria de Estado da Saúde decidiu prorrogar, no Paraná, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite. A campanha, que terminaria nesta sexta-feira (30), será estendida em todo o Estado até o término do estoque de vacinas ou até atingir a meta de 95% da cobertura recomendada pelo Ministério da Saúde. A cobertura vacinal da doença vem caindo em todo mundo há cerca de 10 anos, e há seis anos a taxa está abaixo do preconizado pelo Ministério da Saúde no Brasil e no Paraná. No Estado, a vacinação atingiu, até esta quinta-feira (29), cerca de 55% do público estimado, com a imunização de aproximadamente 320 mil crianças. A meta no Estado é vacinar 583 mil crianças. “Faço um apelo para que os pais ou responsáveis levem os seus filhos para tomar a vacina. Estamos vivendo uma pandemia em que esperamos a vacina como alternativa para evitar a Covid-19. No caso da pólio, temos a prevenção, que é gratuita e oferecida em toda a rede pública de saúde”, orienta o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto. “Desde 1986 não temos a presença da poliomielite no Paraná, mas não podemos deixar a cobertura abaixo do preconizado pelo Ministério da Saúde para não correr o risco de a doença ser reintroduzida no Estado”, explica Vera Rita da Maia, chefe da Divisão de Imunização da Secretaria da Saúde. “A única forma de evitar a paralisia infantil é manter em alta a taxa de cobertura da vacina”, reforça. DOENÇA – A poliomielite é uma infecção contagiosa causada pelo poliovírus selvagem, que pode afetar os nervos e levar à paralisia parcial ou total. A doença está erradicada no Brasil desde 1994, porém, ainda existe a presença do vírus que transmite a doença em outros países, como o Paquistão e o Afeganistão. A vacinação é a única forma efetiva de prevenção. Por isso, é importante a conscientização da população e a vigilância constante dos profissionais da saúde. O Paraná não registra casos de poliomielite desde 1986. Neste momento, o Estado possui 14 notificações para paralisias flácidas agudas e, por esse motivo, as equipes de saúde permanecem em constante vigilância à notificação desses casos, que são importantes indicativos epidemiológicos. O Estado tem como parâmetro anual a notificação de, no mínimo, 23 casos de Paralisia Flácida Aguda em menores de 15 anos para fazer a detecção precoce de uma possível circulação do vírus, desencadeando assim ações de forma rápida e efetiva. DIAGNÓSTICO – Além da vacina, outra medida importante de controle da pólio realizada pela Vigilância Epidemiológica é a notificação de casos de crianças que chegam aos serviços de saúde com sinais de paralisia. Os primeiros sintomas podem ser febre, mal-estar, dor de cabeça, dor no corpo, vômitos, diarreia, rigidez na nuca e sinais de meningite. Pode haver instalação súbita de deficiência motora, assimetria da musculatura de membros e flacidez muscular, entre outros. VACINAÇÃO – De acordo com o calendário, a vacina contra a poliomielite deve ser administrada aos 2 meses (1ª dose), 4 meses (2ª dose) e 6 meses (3ª dose). Estão previstas ainda doses de reforço aos 15 meses e aos 4 anos de idade.

ROLAGEM INFINITA