sexta-feira, 21 de abril de 2017

ENCONTRO DE PREFEITOS (AMUVI)

Reunião da AMUVI foi realizada em Jandaia do Sul. Emília Belinati da Fomento Paraná apresentou linhas de créditos. Prefeitos também debateram a situação precária de alguns trechos de rodovias 

       Prefeitos da AMUVI- Associação dos Municípios do Vale do Ivaí, realizaram,  no dia 20 de abril, quinta-feira, no Anfiteatro Municipal Prof. Lourenço Ildefonso da Silva, na Praça do Café, a primeira reunião ordinária de 2017, na cidade de Jandaia do Sul. O evento começou com a fala do prefeito anfitrião Benedito Jose Púpio, do PSC, desejando boas vindas os demais chefes do poder executivo, autoridades presentes, imprensa e pessoas que foram acompanhar a reunião. Em seu discurso, comentou sobre o início do mandato, as dificuldades, mas também as soluções que tem encontrado em busca de uma Jandaia do Sul melhor par todos. Aproveitou para alfinetar o prefeito Romualdo Batista, o Batistão, do PDT, de Mandaguari, que não estava presente. Segundo Púpio, há negociações para mudança da Universidade Tecnológica de Jandaia para o município vizinho, mas que Jandaia não vai permitir que isso aconteça. Em seguida, o prefeito Carlos Alberto Gebrim Preto, do PSD, de Apucarana, que preside a AMUVI, fez a abertura oficial do evento fazendo uma avaliação positiva da entidade que realizou alguns encontros no início de 2017, antes da reunião ordinária. Também fez um resumo da pauta do dia e agradeceu a presença da Fomento Paraná, representada pela senhora Sra. Emília Belinatti e Luiz Renato Hauly, que trouxeram boas notícias, informando que existem linhas de créditos para pequenos empreendedores que vão de 300 reais a 20 mil reais. Presença ainda Marcos Misolani, da CELEPAR de Curitiba, que fez uma explanação sobre os serviços de tecnologia do Estado que estão a disposição dos prefeitos e que muitos ainda desconhecem. Por fim, Alexandre Soares Farina, do Grupo Terra Roxa, com escritório em Rolândia, que tem agenciado a instalação de empresas em municípios do Paraná, e pode ajudar o Vale do Ivaí com a atração de indústrias. Uma nova reunião com a Terra Roxa deve acontecer em 19 de maio na cidade de Ivaiporã. Ao chegar no encontro de prefeitos, Miguel Amaral, do PSDB, de Ivaiporã, já adiantou sua pauta ao radialista Ronaldo Senes, o "Berimbau", com uma participação ao vivo pela Rádio Nova Era, dizendo que era preciso cobrar do governo do estado uma solução para as Rodovias PR 466 e 272 que interligam Mauá da Serra a Ivaiporã, que se encontram em situação precária. Durante reunião, foi acordado o envio de um ofício para autoridades competentes solicitando o conserto também de outros trechos, como Apucarana a Rio Bom; Cambira ao trevo de Bela Vista do Cambira e Godoy Moreira a Lunardelli. A reunião da Amuvi também contou com a presença do Deputado Federal Alex Canziane, que aproveitou para trazer boas notícias aos prefeitos da região. PRINCIPAL TEMA- A ex-vice governadora Emília Belinatti, falou a Rádio Nova Era e Blog do Berimbau, antes do pronunciamento aos prefeitos. Ela disse que seu objetivo no encontro era conscientizar sobre a importância, das Prefeituras, de reforçar a parceria com a instituição financeira de desenvolvimento do Governo do Estado. A ideia é assegurar a oferta de linhas de crédito de baixo custo para apoiar os empreendedores privados em seus projetos de ampliação ou manutenção de pequenos negócios. O diretor de Mercado da Fomento Paraná, Luiz Renato Hauly, e a assessora de Relações Institucionais, Emília Belinati, fizeram orientações os participantes da AMUVI. A Fomento Paraná oferece linhas de crédito que vão de R$ 300,00 até R$ 20 milhões para apoiar empreendimentos de micro, pequeno e médio porte em todos os setores da economia. "O que podemos fazer é fomentar a economia. Uma cabeleireira, por exemplo, que precisa comprar um secador, a gente financia; um pequeno empreendedor que precisa de até 20 mil reais, também é possível. Isso gera emprego e renda, um benefício que basta a prefeitura tem um agente de crédito", disse Belinati. Nos últimos seis anos a instituição aportou mais de R$ 800 milhões em crédito para apoiar micro e pequenas empresas. Além do crédito para o setor privado, a Fomento Paraná também é uma das responsáveis pelo financiamento de projetos dos municípios para obras de infraestrutura, como pavimentação de ruas, construção de pontes, escolas e hospitais. Foi feito ainda um alerta para a importância dos municípios estarem atentos aos prazos e aos documentos necessários para os financiamentos e, principalmente, que trabalhem em bons projetos, discutidos com a comunidade, e que sejam também aprovados pela Câmara Municipal.  PRESENÇAS - Compareceram os prefeitos de: Ivaiporã, Arapuã, Ariranha do Ivaí, Apucarana, Cambira, Rio Bom, Novo Itacolomi, Jandaia, Mauá da Serra, Lunardelli, São Pedro do Ivaí, Bom Sucesso, Godoy Moreira e Marumbi.  Prefeitos de Borrazópolis e Faxinal, mandaram representantes. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário