sexta-feira, 28 de abril de 2017

FLAGRANTE - Polícias honestos rejeitam suborno em Mauá da Serra

Um homem foi preso após sofrer acidente e estar embrigado no volante. Já dominado pelos soldados de plantão, ofereceu dinheiro  para não ser detido, o que agravou ainda mais sua situação com a Justiça 
     Um homem de nome Gilson Luz da Silva, foi detido acusado de embriaguez ao volante. O teste com o etilômetro, aferiu 0,88 mg/l, comprovando a suspeita dos Policiais Militares que estavam de plantão: Soldado Fernandes e Soldados T. Moreira. Outro detalhe que chamou atenção nesta ocorrência, é que Gilson, ao ser flagrado dirigindo bêbado, ofereceu dinheiro, 50 reais, de suborno para que não fosse preso, mas os Policiais agiram com ética e lisura ao também dar voz de prisão por tentativa de suborno. O boletim foi confeccionado às 20:40 horas, de 27 de abril, quinta-feira, quando a viatura fazia patrulhamento pela Rua Cinco, da Vila Maria e deparou com um veículo Gol de cor prata cruzando uma preferencial em alta velocidade e inclusive caindo dentro do quintal de uma casa. A primeira intenção dos soldados, era socorrer o motorista, acreditando que fosse um acidente comum, mas no primeiro contato com Gilson, perceberam que ele estava completamente embriagado.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário