terça-feira, 29 de novembro de 2011

MARINGÁ - Suspeitos da morte de Luiz Antonio Paolicchi, são presos

FOTO JORNAL DIÁRIO -
Vanessa, Pio e Costa: envolvidos no assassinato de Paolicchi
Quatro suspeitos de envolvimento na morte do ex-secretário da Fazenda do município de Maringá, no norte do Paraná, Luiz Antonio Paolicchi, foram presos na madrugada desta terça-feira (29) em Paranavaí. De acordo com a polícia, o companheiro de Paolicchi, como quem ele tinha um relacionamento amoroso estável,  encomendou o sequestro da vítima a outras três pessoas, no entanto o ex-secretário acabou morto. O crime ocorreu no dia 27 de outubro. O corpo de Paolicchi foi encontrado no porta-malas de um veículo abandonado, no município de Floriano, com várias marcas de tiros. O delegado Nagib Palma, à época, afirmou acreditar em execução. "No carro não há nenhum sinal de tiros, então provavelmente ele foi morto fora do carro e colocado no veículo. No local onde estava o carro ninguém escutou barulho de disparo”, disse. A polícia informou que o companheiro de Paolicchi teria por objetivo conseguir dinheiro com o resgate do sequestro. O que motivou a morte foi o fato da vítima ter reagido. Segundo a polícia, os suspeitos confessaram o crime verbalmente. Eles devem assinar um documento com a confissão em um cartório de Maringá, para onde foram transferidos.
Desvios - O ex-secretário respondia processo por desvios na ordem dos milhões de reais da prefeitura de Maringá, quando participou da gestão do ex-prefeito Jairo Moraes Gianoto. Os dois foram acusados de ser responsáveis por um dos maiores desvios de dinheiro público no Paraná. Na década de 90 Paolicchi foi condenado. Em 2010 respondia em liberdade e foi obrigado a devolver R$ 500 milhões aos cofres públicos. (por G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA