Páginas




 


17/04/2022

BRONCAS - Ameaças em Jardim Alegre, Lidianópolis, Borrazópolis e Lunardelli

JARDIM ALEGRE
- No dia 16 de abril, às 19h30, foi informado que havia um homem em posse de uma faca e ameaçando a irmã e a mãe. No local, em contato com a solicitante, esta passou a relatar que seu irmão, chegou embriagado em casa e começou a discutir com ela e com sua mãe, e que em dado momento tomou posse de uma faca e foi para cima delas, quando a ação foi impedida por familiares, evadindo-se posteriormente do local. Com base nas características do autor dos fatos, a equipe fez patrulhamento, porém, sem êxito em encontrá-lo. Orientada a vítima, esta também de imediato não se manifestou interessada em representar a ameaça, sendo assim foi orientada dos procedimentos cabíveis ao caso e confeccionado o presente boletim de ocorrência para registro. LIDIANOPÓLIS - Em Lidianópolis, no dia 16 de abril, 23h50, uma jovem disse que seu irmão chegou na frente da residência chamando por sua mãe e exigindo uma quantia de dinheiro, momento este, que sua mãe, de 75 anos, negou dizendo que não tinha e não daria, pois sabe que ele é usuário de drogas. Momentos depois o autor irritou-se e como o portão estava com cadeado, começou a dar chutes no intuito de arrombar e proferindo palavras ameaçando. Em ato contínuo, os outros ocupantes da casa tentavam intervir. Relatou ainda que isso ocorre há anos. Com a chegada a PM, o rapaz foi detido. Endereço não foi divulgado pela PM. BORRAZÓPOLIS - Em Borrazópolis, no dia 16 de abril, 17 horas, uma mulher disse que um homem estava quebrando o muro em frente a sua residência. Já o vizinho, afirmou que ela estava impedindo a passagem de pessoas no local. Diante dos fatos, a solicitante foi orientada aos procedimentos e decidiu em não representar criminalmente contra seu vizinho. LUNARDELLI - Em Lunardelli, no dia 16 de abril, 22h40, na Rua Miguel Arcanjo, a solicitante relatou que um tal de Felipe, ex-marido de sua amiga, ingeriu bebida alcoólica e estava bem alterado e tentando agredir as pessoas. Ao ajudar a conte-lo, levou um tapa na cara e a ameaçou com uma garrafa dizendo que iria mata-la, porem o autor já não se encontrava mais no local, quando da chegada da PM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...