Páginas




 


24/04/2022

GUARAPUAVA - Mais detalhes da morte do cabo Ricieri, vítima do Cangaço

 A Polícia Militar informou, neste sábado (23 de abril de 2022), que o cabo Ricieri Chagas, baleado na cabeça durante a tentativa de assalto à empresa de valores em Guarapuava, teve morte cerebral confirmada. Segundo o Portal G1, o  comunicado foi feito pelo novo comandante do 16º Batalhão de Polícia Militar (BPM), Major Flávio Ferraz. À RPC, afiliada da Rede Globo, o comandante disse que fez o comunicado representando a família do cabo. Ricieri estava na viatura alvejada por criminosos na noite do último domingo (17 de abril). A polícia lamentou a perda do militar, que estava na corporação havia 26 anos. De acordo com informações do batalhão, a família autorizou a doação de órgãos do policial. Ricieri foi a única vítima do ataque que morreu. O militar deixou a esposa e dois filhos. Outras duas pessoas ficaram feridas, sendo elas um segundo PM e um civil. Sobre o ataque, clique aqui.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...