30/09/2021

ORTIGUEIRA - Confronto entre polícia e suspeitos termina com dois mortos

                        MAIS DETALHES                       
No link de vídeo, ouça entrevista com o Delegado, o Dr. André, revelando detalhes da Operação que terminou em dois óbitos 
       No link acima, ouça entrevista com o Dr. André    
   Como noticiamos, na tarde, do dia 29 de setembro, de 2021, moradores de Ortigueira passaram a enviar informações para o Blog do Berimbau e Rádio Nova Era, que havia ocorrido um confronto entre polícia e suspeitos na região rural, conhecida como "Briolândia". Logo após, alguns informaram que havia  dois óbito. "A PM está atrás de ladrões de caminhonetes e maquinários. Eles também já foram acusados, no passado, de crimes contra bancos e de aterrorizar moradores aqui dessa região, mas como eles reagiram, acabaram morrendo", disse um agricultor, antes da confirmação oficial.  A Polícia Militar, até a publicação desta reportagem, não revelou nenhum detalhe oficial a imprensa. Mas o delegado, o Dr. André, falou a nossa reportagem, informando que viaturas da 2ª Companhia, faziam patrulhamentos, principalmente, com intuito de combate a crimes de roubo na zona rural, quando depararam com um veículo Fiat Pálio, no Briolândia, em atitude suspeita. Foi dada ordem de parada, mas o condutor não acatou a ordem e iniciou fuga. Após cerca de três quilômetros, abandonaram o veículo e correram a pé para uma mata.  "Desta mata, os suspeitos portando revólveres, passaram a atirar contra os policiais e houve o confronto. Ao revidar a injusta agressão, os soldados atingiram os acusados, que não resistiram e entraram em óbito. Quero ressaltar que eram dois indivíduos, que estavam sendo investigados na delegacia, por furto e roubo, inclusive assalto a máquinas agrícolas. Também eram procurados, já que havia mandado de prisão expedido pela comarca", disse o delegado. O policial civil também elogiou a atuação da Polícia Militar e disse que, a opção pelo confronto, foi dos suspeitos, que poderiam se entregar e ficar a disposição da Polícia Judiciária.   Pelas redes sociais, algumas familiares saíram em defesa dos acusados,  alegando que eram inocentes das suspeitas citadas nesta reportagem e que provarão esta versão, mesmo com eles mortos.  A imprensa de Londrina, para onde os corpos foram levados, informou que eles são: Nalde de Jesus Pedroso de França, 38 anos, e Júlio Jesse Cesar da Rocha, 25 anos. 

2 comentários:

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA