Páginas




 


11/07/2022

Agricultores reclamam da dificuldade em trafegar entre Cruzmaltina e Grandes Rios

Segundo eles, galhos de árvores por sobre a pista de rolamento atrapalham o transporte das máquinas maiores e provocam risco constante de acidente
Da região de Grandes Rios e Cruzmaltina, mais precisamente até o Distrito e João Vieira, trecho da PR-453, um grupo de produtores rurais, encaminhou reclamação ao Blog do Berimbau e Rádio Nova Era, informando que está impossível trafegar pelo local, com maquinários agrícolas, devido aos galhos de árvores, que estão por sobre a pista. "O perigo de acidente é constante. Essa semana eu estava deslocando com um caminhão prancha, levando um maquinário e, mas trafegar pela mão correta, não tem condições, porque a máquina vai tocando nos galhos, quebrando as árvores e também provocando danos. Para conseguir fazer o trajeto, ainda com dificuldades, agente precisar ir no meio da pista, por isso a chance de ocorrer um acidente, para quem vem no sentido contrário, ou até mesmo ultrapassando, é enorme", disse um dos produtores.  Eles estão solicitando ao DER - Departamento de Estrada de Rodagem, que faça a poda e evite algo mais grave neste trecho. Segundo eles, entre Borrazópolis e Kaloré, no ano de 2021, também havia o mesmo problema e, naquela época, houve os cortes, para melhorar a trafegabilidade.  Na PR-453, em Borrazópolis, saída para Faxinal, ocorreu o mesmo neste ano de 2022. Também informaram que, além de Grandes Rios a Cruzmaltina,  há outros trechos que precisam desta atenção.   "A nossa região é agrícola e são os agricultores quem tem fomentado a economia dessa região, e porque não dizer do Brasil. Por isso acreditamos que seriam importante uma política de zelo com essas rodovias para evitar esse tipo de transtorno ao homem do campo", finalizou a nota com a reclamação.  





Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...