Páginas




 



 


21/07/2022

HIDRELÉTRICAS - Estudos para Barragens no Rio Ivaí deixam em alerta moradores

                           EXLUSIVO                              
No link de vídeo, ouça entrevista com o Promotor Robertson de Azevedo. Ele alerta que essas tentativas já foram frustradas no passado e é preciso continuar a luta 
 Moradores da zona rural de Borrazópolis, região do Bairro Fogueira e Salto Fogueira, também do outro lado do Rio, São João do Ivaí, Lunardelli e Lidianópolis, voltaram a expressar preocupação com homens desconhecidos, supostos funcionários de empresas que prestam serviços, fazendo estudos para implantação de Usinas Hidrelétricas, ou Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs), ao longo do Rio Ivaí. Em outras palavras, pretendem construir barragens, o que, na visão de ambientalistas, causa um enorme impacto ambiental, pelo fato de alagar áreas agricultáveis; destruição de matas ciliares; afetar, em alguns casos, propriedades inteiras; não gerar emprego na região e nem lucro para prefeituras. Nas regiões alagadas, fica proibida atividades, por conta do risco de incidentes, o que seria de responsabilidade das empresas exploradoras. Em entrevista a Rádio Nova Era e Blog do Berimbau, o promotor Robertson de Azevedo, disse que, com certeza, é mais uma tentativa de instalar este tipo de empreendimento na região, mas, como já aconteceu no passado, onde se criou o movimento "Pró Ivaí/Piquiri", focado na organização das comunidades ameaçadas por barragens nos rios Ivaí e Piquiri, é preciso, novamente, debater o tema e estudar mecanismos que impeçam que tal fato ocorra. Em Borrazópolis, a vereadora Verá Lúcia, a "Tuca", citou a preocupação dos moradores do seu município na Câmara de Vereadores. Dr. Robetson disse estar a disposição dela, dos demais vereadores, não só de Borrazópolis e região, para prestar mais esclarecimentos. Ouça a entrevista, na íntegra, no link e vídeo. SOBRE ROBERTSON - Atualmente, ele atua como promotor substituto da 42ª Seção Judiciária, Paranavaí, continua ativo nas questões de meio ambiente, também como professor colaborador no PEA/UEM (Programa de Pós-graduação em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais, ao qual o Nupélia está associado) e no ProfÁgua, mestrado profissional em nível nacional em Gestão e Regulamentação de Recursos Hídricos, UTFPR, Campo Mourão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...