Páginas




 


25/07/2022

IVAIPORÃ - 1.255 pacientes de Ivaiporã são atendidos fora de domicílio

Conforme relatórios elaborados pelo Departamento de Saúde da Prefeitura de Ivaiporã e apresentados ao prefeito Carlos Gil, pela diretora do Departamento de Saúde da Prefeitura de Ivaiporã, Cristiane Pantaleão, 1.255 pacientes de Ivaiporã realizaram consultas e exames, entre janeiro e junho de 2022, com despesas custeadas pelo Governo do Estado, Ministério da Saúde e Prefeitura, que suporta os custos do transporte com veículos do município e passagens de ônibus convencionais e leitos numa parceria estabelecida com a Viação Garcia. Os 1.255 pacientes foram atendidos mediante critérios instituídos pela Portaria 55/99 da Secretaria de Assistência à Saúde – Ministério da Saúde, que disponibiliza Tratamento Fora de Domicílio (TFD), visando garantir, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), o tratamento médico a pacientes com doenças não tratáveis no município de origem, quando esgotados os meios de atendimento e quando há possibilidade de cura parcial ou total. Além das 866 consultas, 389 pacientes realizaram exames fora de domicílio, entre janeiro e junho, enquanto a Prefeitura pagou R$1.065.523,46 ao Consórcio Intermunicipal de Saúde (CIS) de Ivaiporã referentes a 19.583 consultas e exames realizados em 6 meses. Ou seja, entre janeiro e junho de 2022, foram 20.838 consultas (8.904) e exames (11.934). “A saúde está perfeita? Não, jamais será. Está mal? Em hipótese alguma! Se somarmos as consultas e exames disponibilizados em 1 ano e 6 meses de gestão, superaremos – e muito os 4 anos da gestão 2017/2020. Afinal, uma das nossas prioridades é investir em saúde, seja com atendimentos, equipamentos ou infraestruturas. Os números comprovam os investimentos”, mencionou o prefeito Carlos Gil. ESPECIALIDADES - Em 6 meses, 866 pacientes de Ivaiporã realizaram consultas fora de domicílio nas seguintes especialidades: cardiologia e cirurgia pediátrica, vascular, neurologia, pediatria, oftalmologia, ortopedia adulto e pediátrica, pneumologia pediátrica, oncologia, cardiologia, cirurgia ginecológica, cintilografia, hematologia, transplante rim, hiperbárica, bera (avalia o sistema auditivo), cirurgia plástica, urologia, dermatologia, radioterapia, fisiatra, mastologia, coloproctologia, pneumologia, transplante cardíaco, alergista/imunologista, periodonto, vascular pediatra, otorrino, bucomaxilo, neuromusculares, infectologia, cirurgia de endometriose, aplicação oftalmológica, psiquiatria, endocrinologia pediatra, gastroenterologia pediátrica, neurologia HC, neurocirurgia/Hospital Pequeno Príncipe, cirurgia de mama, endodontista, frenectomia, genética pediátrica, endocrinologia, resignação genital, septoplastia + turbinectomia, cirurgia do aparelho digestivo e gastro endoscópico, oncologia pediátrica, hepatologia, nefrologia, cirurgia dentista e bariátrica. Os 389 pacientes realizaram exames de ressonância, tomografia e angiotomografia. A diretora do Departamento de Saúde da Prefeitura de Ivaiporã, Cristiane Pantaleão, disse que a maioria dos pacientes faz tratamento em Curitiba e se desloca com conforto e segurança – além de receber o apoio necessário na capital do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...