Páginas


01/10/2022

IVAIPORÃ - Equipe ROTAM prende acusados de tráfico na Vila Monte Castelo

A equipe ROTAM, de Ivaiporã, fez mais um flagrante de tráfico de drogas. Por volta das 20:30 horas, de 30 de setembro, a equipe fazia diligências pelo bairro Monte Castelo, próximo a um local que é alvo de denúncias anônimas, registradas junto ao serviço de inteligência da 6ª CIPM - Companhia Independente de Polícia Militar, como sendo ponto de venda de drogas ilícitas. Foi exatamente neste local, Rua Pato Branco, onde os soldados visualizaram três pessoas em frente a casa, dois homens e uma mulher. Ao avistar a equipe policial, os três abraçaram-se e foi possível visualizar que o indivíduo que vestia moletom claro e bermuda preta passou algo para a mulher e esta segurou tal objeto em sua mão esquerda. Diante da fundada suspeita de estarem portando algo ilícito, foi realizada abordagem, no entanto, ao solicitar que a feminina revelasse o que estava em sua mão, ela desobedeceu e tentou correr para o quintal, sendo que após ser impedida pelo policial, arremessou um invólucro no quintal. Era uma pedra de crack maior, pesando 4,4 gramas, que rende entre 22 e 44 pedras menores, dependendo da forma de embalar, e são vendidas, geralmente, a R$10,00 reais cada. Também mais 05 pedras já embaladas, prontas para a venda pesando 1,1 grama. Foi dada voz de prisão a mulher e seu filho, o qual estava com moletom claro e passou a droga para ela, antes da abordagem, e portava em seu bolso a quantia de R$80,00 reais. Em seguida ambos foram cientificados de seus direitos constitucionais, todavia a mulher passou a resistir passivamente a prisão, tentando evadir-se do local e fazendo força física, sendo necessário o uso seletivo e diferenciado da força para sua contenção com uso de algemas, que também foram utilizadas no filho, devido ao fundado receio de fuga. Ao fazer uma varredura na casa, foi encontrado mais um filho, o qual foi abordado. No quarto da mãe,  
sobre uma armário, havia um pote pequeno de plástico contendo três pedras de crack  e uma pedra no chão, todas já embaladas e prontas para a venda com peso total de 700 miligramas. Ainda neste armário, a quantia de R$178,00 reais em cédulas diversas. No sofá,  havia uma porção de maconha pesando 1,1 grama. O outro filho tentou assumir somente para si o tráfico de drogas na residência, contudo, as denúncias sobre venda já constam desde o mês de julho do corrente ano, quando o abordado ainda estava preso, tendo saído da cadeia somente na referida data, 30 de setembro, o que evidencia que possui participação, porém já havia outra ou outras pessoas traficando no imóvel anteriormente. Este  irmão já foi apreendido por situação de traficância em duas vezes, em datas anteriores e, em uma das  ocasiões, confessou traficância. Ele recebeu voz de prisão e foi cientificado sobre seus direitos constitucionais e todos foram encaminhados a 54ª - DRP - Delegacia Regional de Polícia. Um deles disse que saiu da cadeia e  estava preso pelo crime de tráfico de drogas. O terceiro abordado em frente a residência, não portava nada de ilícito e foi liberado no local. A equipe RPA - Rádio Patrulha, viatura prefixo L0977, prestou apoio na ocorrência. A revista pessoal na mulher foi feita por policial feminina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...