sexta-feira, 28 de julho de 2017

POLICIAL - Faxinal, Ivaiporã, Mauá da Serra e Jandaia do Sul

FAXINAL - Em Faxinal a polícia recuperou motocicleta furtada em Lidianópolis (foto).  IVAIPORÃ - Casa arrombada na Vila de Furnas. MAUÁ - Jovem detido com porção de droga.  JANDAIA - Aluna tenta colocar fogo em sala de aula
     FAXINAL - Em Faxinal, no dia 27 de julho, a Polícia Militar recuperou uma Motocicleta Honda Titan na cor preta, sem placa e furtada em Lidianópolis, no dia 08 de julho, de 2017. A moto foi abordada na Rua Eurides Cavalheiro de Meira com o chassi pinado. A mesma foi conduzida para o Destacamento que ao checar número do motor, apurou que era produto de furto. IVAIPORÃ - Em Ivaiporã, uma casa foi arrombada no dia 27 de julho, às 08 horas, na Rua Itajuba, na Vila Furnas. Um cidadão que está cuidado da casa de sua irmã, a qual esta viajando. Ao chegar no local, no dia 27 de julho, notou que a luz da residência estava acesa e a janela arrombada. Foi levada uma TV e moedas. MAUÁ DA SERRA - Em Mauá da Serra, no dia 27 de julho, no Parque Industrial II, na Rua José Rodrigues da Silva, foi detido um jovem de nome Élton John Paulo de Jesus, de 20 anos. Os soldados Sidnei Brocoli e Gizele, receberam informações que o jovem estava tentando vender um botijão de gás que poderia ser objeto de furto. Ao chegar no local, o rapaz negou, mas logo em seguida, o botijão foi encontrado nas proximidades, momento que ele mudou a versão dizendo que o botijão era seu. Com ele também havia uma pequena porção de maconha. Élton negou que tenha cometido qualquer irregularidade ou crimes. Ele foi levado para a Delegacia de Marilândia do Sul. JANDAIA - Em Jandaia do Sul, no dia 27 de julho, na Avenida Anunciato Sonni, a Pm foi até um colégio existente no local. Um professor disse que uma menor de idade e estudante, quebrou o vidro da porta da sala como também uma carteira escolar e colocou fogo em papeis com a finalidade de queimar a sala de aula. Ainda na escola, uma adolescente disse que foi subtraído de sua carteira a quantia, em espécie, de R$ 70,00 (setenta reais) como também um relógio de pulso, e que a mesma menor é suspeita. O caso seria levado para a Delegacia de Polícia.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário