sábado, 30 de janeiro de 2010

Chacina em Curitiba deixa seis mortos; uma estava grávida

Polícia acredita que tráfico esteja por trás das cinco mortes no Barreirinha ocorridas na noite desta sexta-feira (29)
Seis pessoas - três homens e três mulheres - foram executadas a tiros em um barraco localizado na Rua Albino Blum, no Jardim Arroio, Barreirinha, em Curitiba. O crime ocorreu na noite de sexta-feira (29). Entre as vítimas está uma mulher grávida de sete meses e uma adolescente de 14 anos. De acordo com a Agência Estadual de Notícias, do Governo Estadual, o beco onde ocorreram as mortes é apontado, por denúncias anônimas ao 181-Narcodenuncia, como ponto de venda e consumo de drogas. Além disso, de acordo com informações preliminares, a residência pertencia ao ex-presidiário André Antônio Moraes, 28 anos, morto no carreiro que dá acesso à moradia. "Por haver ligações informando tráfico no local, há grande probabilidade de essas mortes terem sido cometidas por traficantes", afirma o comandante do Policiamento da Capital, coronel Jorge Costa Filho. No interior do barraco, morreram quatro pessoas que, de acordo com informações coletadas pelos policiais junto a moradores da região, são Marcelo Rodrigo Apolônio Estevam, o "Negão", 22, Valéria Neves da Luz, 16 anos (grávida), Anderson Reis, (idade não informada) e Márcia. As vítimas não tinham documentos de identificação e, portanto, os nomes ainda serão confirmados pelo Instituto Médico-Legal (IML). No local, foram encontradas cápsulas de pistola calibre ponto 40. Nesta mesma rua, um adolescente, de 17 anos, foi encontrado morto, em 17 de janeiro. "A polícia estuda a possibilidade de existir relação entre as mortes", afirma Costa. "Para isso, é muito importante que a população colabore, fornecendo informações pelo sistema 181-Narcodenúncia, pois sua identidade será mantida em sigilo. Assim podemos chegar rapidamente aos autores deste crime", pede o coronel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA