terça-feira, 31 de julho de 2012

Revolta em ORTIGUEIRA - “Cabeça de mulher degolada não foi encontrada”

Foto da cova onde a mulher foi encontrada
A família da aposentada Aparecida Ramos Ortiz, de 62 anos, que foi sequestrada no dia 08 de julho por volta das 19:30 horas quando uma quadrilha invadiu duas casas do Sítio do apucaranense Orlando Pena, que fica no Bairro Água das Pedras, procurou a Rádio Nova Era nesta terça-feira, 31 de julho de 2012, para pedir providências. Segundo ela, no dia 08 de agosto, completará um mês do crime, e até agora a cabeça da mulher que foi degolada pelos criminosos, ainda não foi localizada. O crime chocou a região dos campos gerais. Familiares também cobram a prisão dos acusados, pois apesar de identificados, apenas um deles está preso, que é Rogério Lemes. O suposto mentor do crime: Genivaldo Carlos de Freitas, mais conhecido como “Jango” e os demais acusados: Moisés Evangelista dos Santos, o “Urso”, e Keilo Renan dos Santos, e um quarto indivíduo: Valdeir Ferreira dos Santos, que a princípio não estava envolvido no latrocínio da aposentada, mas é apontado como integrante da quadrilha, estão todos foragidos. Segundo o Delegado Ary Nunes Pereira, de Ortigueira, os autores do latrocínio foram atraídos por um boato que a mulher tinha recebido uma indenização de 30 mil reais, e ao chegarem na casa  a sequestraram para que ela dissesse onde estava a grana. Depois a levaram para a residência do "Jango" que mora no Bairro dos Franças, e lá decidiram matar a agricultora degolada. Mais tarde o corpo seria localizado numa cova feita pelos criminosos, mas sem cabeça que até hoje não foi encontrada, o que gera revoltada e medo por parte de familiares e amigos.

ATENÇÃO - Polícia anunciou na manhã desta quarta-feira, que dois dos acusados foram presos no Vale do Ivaí durante a terça-feira - Em breve detalhes aqui e detalhes ao vivo pela Rádio Nova Era

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA