sábado, 21 de março de 2020

BORRAZÓPOLIS - Prefeito diz que vai limitar acesso a cidade


No link de vídeo, a direita, ouça a fala do próprio prefeito enviando o recado a comunidade  
           Em Borrazópolis, o prefeito Adílson Luchetti, informou que pretende fechar o acesso a cidade, impedindo a entrada de pessoas que venham de outras cidades, onde há caso suspeitos do Coronavírus e também de parentes que estão vindo de grandes centros como: Curitiba; Londrina e Maringá, e até de outros estados e  países estrangeiros. "As pessoas precisam entender que não é férias, é quarentena e não podemos colocar a vida dos nossos moradores em risco", disse o prefeito. O município adquiriu um aparelho, espécie de termômetro com infravermelho, que é possível fazer um teste rápido para avaliar se a pessoa está com algum tipo de sintoma, o qual será utilizado nas barreiras.  "Se a gente constatar alguém assintomático, ele será triado ou obrigado a voltar para seu local de  origem. Também queremos impedir a chegada de vistantes que esteja querendo se instalar em nosso município, durante este dias de quarentena", pontou Luchetti. No sábado, dia 21 de março,  a cidade amanheceu sem nenhuma barreira, mas a ideia era providenciar o mais rápido possível.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA