07/06/2021

"O GALO" - Por conta de um "Galo", soldados heróis foram vítimas da hipocrisia

O dia em que uma "Ave" foi mais valorizada do que um Policial Militar, mas na hora da urgência, tenham certeza, todos vão ligar 190 
Em Ivaiporã, uma ocorrência, que é muito comum da Polícia Militar, virou alvo de chacota. Nós, Blog do Berimbau e Rádio Nova Era, também noticiamos o fato, mas como uma notícia comum. Infelizmente, pessoas sensacionalista que, nem deviriam ser chamadas de imprensa ou repórteres, distorceram a informação e fizeram um "Carnaval" em detrimento da Polícia Militar. Com a falta de notícias, por conta da Pandemia, soldados que deveriam ser elogiados, estão sendo alvos de piada. Antes de prosseguir com esta informação, leia a notícia:
"Em Ivaiporã, no domingo, dia 06 de junho, às 02h40min, na Rua Agripina Maria Pedro, o solicitante disse que seu vizinho mantém um galinheiro nos fundos de sua casa, onde um galo canta muito alto, provocando perturbação. Que já conversou com o proprietário, mas que este não tomou providencias. Diante da representação criminal, contra o responsável pelo galo, a equipe apreendeu o animal e lavrou o termo circunstanciado contra o autor". Pois bem, há órgãos de imprensa, que se dizem sérios, e chegaram a noticiar que o "Galo" foi preso, o que não é possível em se tratando de um ave. Denegriram a imagem da Polícia Militar de Ivaiporã, onde, apesar da falta de efetivo, homens e mulheres, que compõe as forças militares, tem feito além do que é obrigação deles, ou para ser mais preciso, além do que é humano, para oferecer segurança a sociedade. Numa ocorrência de perturbação de sossego, os soldados precisam ir ao local e apreender ou eliminar o fator que propaga a perturbação, seja ele som; ruído de um maquinário; som emitido por animal, enfim, é missão do Policial, tomar as devidas providências e garantir o sossego do denunciante, para que após a ocorrência, se apure quem estava com a razão. No caso de Ivaiporã, a manchete deveria ser a seguinte: "Policiais que prendem traficantes, ladrões e enfrentam o crime organizado, também se preocupam com as ocorrências mais simples, desde que o cidadão se sinta lesado". Esse artigo é em defesa dos Policiais, porque tenho acompanhado o dia a dia deles. A depressão, o stress, a falta de apoio, os salários injustos e as políticas que mais destroem suas carreiras do que constroem. Esses soldados são filhos, são pais, tem famílias e jamais deveriam virar piada, justamente, por parte de alguns órgãos de imprensa, que todos os dias estão se beneficiando deles, para alimentar seus órgãos de comunicação. Estado e País da hipocrisia, onde, para se conseguir audiência, custe o que custar, ofenda a quem ofender, ou prejudique a quem prejudicar. Parabéns aos policiais de Ivaiporã, que, mesmo numa perturbação de sossego, às 03 horas da manhã, fizeram o que era para ser feito. Pena que quando eles prendem
 traficantes, ladrões ou combatem o crime, arriscando a própria vida, as notícias não ganham tanta repercussão, porque o personagem não era um "Galo". Em 2020 e 2021, a Polícia Militar de Ivaiporã e região vítima, foi a que mais recebeu monção de aplausos e homenagens por salvar vidas; evitar suicídios e socorrer crianças. Até esqueceram que, recentemente, um policial transtornado, morreu atirando dentro da própria Cia e ceifou colegas, inconsciente por conta de um sistema falho, enfim, nada disso importa  para quem vive da desgraça alheia. (Escrito por Ronaldo Alves Senes, o Berimbau)

2 comentários:

  1. Eu acho que ninguém teve a intenção de denegrir a polícia, só estão se divertindo um pouco, com tantas coisas ruins que acontece,eles deveriam ter entrado na brincadeira, ao invés de se sentirem ofendidos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo estão divertindo da situação e não zombando de ninguém

      Excluir

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA