23/09/2021

LUNARDELLI - Autor de furto no Santuário de Santa Rita foi preso pela Polícia

Polícia Militar prendeu acusado de furto no Santuário. Ele foi identificado com imagens das Câmeras de Segurança 
  Poucas horas, após o registro do furto, a Polícia Militar de Lunardelli, informou que estava na cadeia o acusado de agir, criminosamente, na Igreja. Seu nome: Ryan, mais conhecido como "Tiririca". A delegacia de Polícia Civil, também informou que, por meio das câmeras de segurança, foi possível identificar o autor. Moradores ligaram para a nossa reportagem, parabenizando a Polícia pelo trabalho ágil e dedicado. A 6ª Companhia Independente, em Ivaiporã, também confirmou a prisão: "A equipe de Lunardelli, passou a ter informações de populares, dando conta de que o autor estava nas proximidades de sua residência, em uma mata que fica próximo de sua casa. Em diligência nas imediações do referido matagal, conseguiu localizar o autor escondido embaixo de uma plantação de capim. Detido, confessou que foi autor, bem como informou, que furtou cerca de cinco quilos de carne, produtos que entregou para uma pessoa feminina, que também é usuária de droga e mora em frente a sua casa", informou o boletim. Consta ainda que, a receptadora, levou a carne para um traficante de drogas, repassando por R$70,00 (setenta reais) em pedras de crack, totalizando a quantia de sete pedras. Todas as providências foram tomadas e os demais citados serão investigados. SOBRE O CASO - Conforme noticiamos, em Lunardelli, neste 23 de setembro, um indivíduo arrombou o Santuário de Santa Rita de Cássia para furtar. O crime ocorreu durante à noite. Segundo o Heitor, Padre Natalício, o jovem entrou no pátio, foi até a gruta e tentou arrombar a caixinha de doações, mas não teve êxito. Também acessou a região do Salão e a cozinha, de onde furtou alguns alimentícios. A ação ainda resultou em danos nas portas e em uma Câmera de Segurança, mas ele não chegou a entrar dentro da Igreja. Um levantamento era realizado para apurar exatamente o prejuízo. Também foi registrado um boletim de ocorrência no Destacamento local e Delegacia de São João do Ivaí. "A gente lamenta, porque seria muito bom que todos pudessem viver como irmãos, sem prejudicar o outro, mas, a justiça é que vai cuidar disso e, da nossa parte, temos que perdoar e rezar para que Deus possa transformar estas pessoas" , disse Natalício ao repórter Ronaldo Senes, o "Berimbau". Como havia ocorrido um corte de energia, durante à noite, o alarme não disparou. A princípio, pelas imagens, o suspeito seria Ryan, já conhecido do meio policial e que já havia sido detido outras vezes. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA