17/11/2021

BORRAZÓPOLIS - "Dingo", também conhecido como "Pé de Pano" foi condenado

Em Borrazópolis, o Sérgio Henrique Oliveira Marques, chamado de "Dingo", mas que também ficou conhecido como o "Pé de Pano", apelido que surgiu por conta da forma perspicaz, ágil, silenciosa e ousada, que utiliza para praticar furtos foi condenado. Na cidade, foram várias as vítimas que flagraram o indivíduo dentro de casa, ou que, mesmo estando no interior de suas residência, se quer perceberam a ação do meliante. "Quando ele encontra uma janela ou porta aberta, entra rapidamente e furto objetos. Uma vez ele chegou a levar uma surra de um morador, na região da Rua Alagoas, após ser flagrado", disse uma testemunha. "Dingo", agiu com intensidade, na prática de delitos, quando era menor. Após completar os 18 anos, continuou com os delitos, mas começou a ter consequências. E neste mês de novembro, de 2021, recebemos a notícia de que ele foi condenado por dois furto praticados, mas, ainda há outros processos ou inquérito em andamento. Para quem não se recorda, em em março, de 2021, o rapaz foi até o Residencial Cassarotti, onde entrou na casa da conhecida "Lucineia Moraes". Ela, que estava em um cômodo com o filho, foi ver o que era e deparou com o ladrão. Mesmo sendo flagrado, ainda pegou o celular dela e saiu correndo, aparelho avaliado em 2 mil reais. Poucos minutos antes, ele também havia entrada da casa da enfermeira Ângela Teixeira Cruz, no mesmo loteamento. A filha dela, Marcela Teixeira da Cruz, estava no banho e percebeu barulho, mas não achou que fosse furto. Ao sair, notou que dois pares de tênis haviam sido levados da área de serviço. Na prática deste dois crimes, o gatuno não contava com câmeras de vigilância, de uma terceira casa, as quais o flagraram e foram divulgadas no Blog do Berimbau. O material foi solicitado pela Polícia Civil. Importante ressaltar o bom trabalho de investigação do Dr. Ricardo Mendes, da delegacia de Faxinal, e a Polícia Militar de Borrazópolis, sargento Gilmar, que foram registrando os furtos e instaurando os inquéritos.  Como a condenação, o preso fica a disposição do poder judiciário. Vale ressaltar que boa parte desta pena, já foi cumprida, já que ele se encontra detido desde o ano de 2020.  Clique aqui para rever ocorrência em que Sérgio foi flagrado por câmaras de segurança. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA