09/11/2021

BORRAZÓPOLIS - Jovem supostamente furtou cartão e saiu fazendo compras

O acusado foi localizado e disse que achou o referido cartão.  Ainda houve o caso do furto de um celular, que foi encontrado em Jandaia  
 Em Borrazópolis, duas situações de furto estão sendo investigadas. No dia 08 de novembro, um cidadão, de nome Paulo Spinola, procurou a Polícia Militar, dizendo que deixou seu cartão bancário do banco do Brasil, em cima de uma mesa, na agência bancária, na quinta feira dia 04 de novembro, às 16 horas. Ao perceber, no final de semana, voltou a agência no dia 08, e constatou que alguém havia furtado. Ao tirar um extrato de sua conta, constatou que haviam feita diversas compras, uma delas em um posto de combustível, local em que o suposto autor ficou devidamente identificado, como sendo Vinícius. Buscas foram feitas e, inicialmente, o acusado não foi encontrado, mas antes da finalização da ocorrência, a Polícia Milita foi informada que o denunciado estava em sua Residência na Rua Basílio Lessak. Ao ser indagado sobre os fatos, relatou que não furtou, ou seja, que achou o cartão bancário  na Rua e começou a usar.  Ele entregou o referido cartão, que estava em  sua carteira. Por conta dos fatos,  foi  levado para a Delegacia de Faxinal, onde foram realizados os procedimentos e ele foi liberado. FURTO DE CELULAR  - No dia 07 de novembro, a Fernanda P. A Mendes, de 20 anos, registrou furto de celular, em um Comércio na Rua Paraíba. Esse delito foi anunciado, inicialmente, como sendo em Cruzmaltina, mas depois a informação foi corrigida. A jovem disse que, estava em um bar, e deixou seu telefone celular marca Motorola, modelo Moto G10, de cor azul, em cima do balcão. Alguns minutos depois, ao procurá-lo, percebeu que alguém havia o furtado. O estabelecimento possui câmeras, porém segundo ela, não foi possível visualizar o momento do fato. No dia 08 de novembro, uma recepcionista da Rádio Cidade Jandaia, ligou para a Rádio Nova Era, dizendo que uma pessoa deixou o aparelho naquela emissora. Na capinha, estava um cartão de crédito em nome da vítima. A pessoa que deixou, afirmou que o achou jogado na Rua.  O caso é investigado.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA