24/11/2021

LUNARDELLI - Comerciante disse que foi ameaçada por indígenas

  No dia 23 de novembro, 19h00min, na Praça Geremias Lunardelli, por volta das 19h30min, uma mulher disse que sua irmã, tem uma barraca em frente ao banco. E que foram três pessoas até o local, aparentemente, indígenas, e a ameaçaram. Eles tentaram entrar no local, forçando a porta. Ao chegar ao endereço, a vítima foi identificada, como sendo uma moça, de 28 anos. Ela confirmou a denúncia, afirmando que tem uma sorveteria. Disse ainda que os indígenas, estavam com roupas sujas e, num primeiro momento, eles pediram dinheiro, mas diante da negativa, tentaram entrar. A moça foi  socorrida por seu vizinho, que veio em seu socorro. Diante dos fatos, buscas foram feitas, mas os suspeitos não foram encontrados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA