02/01/2022

BORRAZÓPOLIS - Morador levou facãozada e houve ainda briga de namorados

FACÃOZADA
- Em Borrazópolis, no dia 01 de janeiro, de 2022, 05h54min, no Jardim Bela Vista, ocorreu uma confusão, mas a Polícia Militar foi até o Hospital, onde a vítima, nome Nilton Cesar Moura, e não  
Milton Moura, como informamos inicialmente. Ele relatou que, mora do referido Bairro Bela Vista, próximo a Cocari, e foi intervir em uma briga de casal, quando o masculino pegou um facão e desferiu um golpe, vindo causar uma lesão em seu tórax e barriga. Eu chegava, de madrugada, quando ocorreu a confusão e ele saiu correndo atrás da mulher com um pedaço de pau. Apenas pedi que não fizesse aquilo, instante em que partiu em minha direção com um facão. O primeiro golpe acertou no abdômen, de raspão, mas o segundo, mais forte na altura do tórax, fazendo um corte mais profundo e maior", disse Nilton.   Foi feito contato com a mulher, que também foi agredida, ela apresentava uma lesão no rosto causado por uma paulada desferida pelo agressor. Tanto a feminina, quando o Nilton, disseram que o autor entrou em um Gol prata e fugiu. Ainda, segundo eles, o acusado é o Diego Trindade, que mora atualmente em Arapongas, o qual não foi localizado para dar sua versão sobre os fatos. AMEAÇA - No dia 01 de janeiro, 02h20mn, em um endereço, que a Polícia identificou apenas como "Loteamento do Didi", uma mulher, ligou 190, e contou que foi ameaçada e seu veículo danificado pelo seu namorado, mas, ao chegar ao local, em contato com a solicitante, relatou outra versão, dizendo que estava tentando entrar em sua residência, porém, foi impedida pelo autor e ameaçada por mensagens, mas, que seu veículo, não havia sido danificado e que o acusado já havia evadido-se. Ressaltar que antes de redigir este boletim de ocorrência, a equipe recebeu, novamente, uma solicitação da mesma solicitante, informando que o autor dos fatos teria voltado a resistência, porém, a equipe estava em flagrante, juntamente com uma equipe de ROTAM, em um tráfico de drogas e não conseguiu retornar. Todas as informações acima, constam no boletim da PM, e o nome dos envolvidos não foram informados, impossibilitando que a imprensa pudesse buscar a versão de acusado e vítima.  

Um comentário:

  1. Boa tarde meu nome é Regilaine Moura , sou esposa de Milton Carlos de Moura que é irmão da pessoa citada na materia acima e nada tem haver com o ocorrido , moramos inclusive em estados diferentes , sugiro que arrume o nome que foi dado errado e se retratem a pessoa em questao chama-se Nilton Cesar de Moura e não Milton Moura ,é sabido que cabe dano moral espero que se retratem fico no aguardo

    ResponderExcluir

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA