Páginas




 


30/08/2022

GRANDES RIOS - Vice-prefeito pede exoneração do cargo de Chefe de Gabinete

Em entrevista, a Rádio Nova Era, o prefeito negou que tivesse exonerado o companheiro político e lamentou a decisão, já que foram eleitos juntos por uma Grandes Rios melhor para todos    
O prefeito Antônio Ribeiro da Silva, o "Toninho do Café", confirmou, nesta tarde de 30 de agosto de 2022, que o vice-prefeito, Renato Batista Nunes, o conhecido "Renato do Bar", pediu sua exoneração do cargo de "Chefe de Gabinete". A decisão ocorreu um dia após uma primeira polêmica, em que vereadores fizeram uma representação contra o prefeito, no Ministério Público, alegando que uma obra licitada, era edificada com maquinários do município, o que é proibido. Na mesma data, "Toninho do Café", divulgou uma nota esclarecendo o fato e dizendo que a denúncia não se sustenta. Renato, além de vice-prefeito, também é esposo da vereadora  "Rose do Renato".  
O chefe do poder executivo interpretou o fato, como um rompimento político. "Eu lamento, porque tenho muita admiração pelo meu vice, por isso o escolhi. Inclusive tínhamos planos para que ele pudesse, um dia, dar continuidade na representação deste grupo. A minha tristeza é porque eu o considero um grande companheiro, uma pessoa trabalhadora e, nós dois assumimos o compromisso de juntos seguir até o fim, trabalhando por Grandes Rios", disse o prefeito, ressaltando que respeita a decisão do vice-prefeito, e a prefeitura continua de portas abertas. "Na cidade surgiu um comentário que eu, prefeito, havia exonerado o vice-prefeito e isto não é verdade. Vou enviar o documento comprovando que foi Renato que pediu a sua exoneração", finalizou Antônio Ribeiro.  Por telefone, o repórter Ronaldo Senes (Berimbau), falou com Renato. Ele confirmou que seu pedido de exoneração, foi por conta da referida denúncia do dia anterior.  "Eu queria que a investigação fosse feita, mas disseram que não tinha nada errado e criaram resistência. Como não concordo, estou saindo do cargo por achar que há sim algo irregular", justificou ele. Há comentários que Renato teria apoiado a denúncia, pois, caso "Toninho" fosse cassado, ele assumiria a prefeitura. Mas o vice negou dizendo apenas não concordar com a forma em que o tema foi tratado.   


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...