Páginas


24/01/2023

Acia lança pedra fundamental do maior prédio comercial de Apucarana

Com 28 andares, o Centro Comercial da Acia será o maior e mais moderno prédio comercial de Apucarana. A pedra fundamental da obra foi lançada nesta terça-feira (24/01) pela Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Apucarana (Acia). Com investimento de R$ 60 milhões, o prédio contará com 174 salas comerciais, 235 vagas de garagem rotativa e portaria 24 horas. O lançamento da pedra fundamental ocorreu no terreno onde a obra será edificada, situado entre as ruas Guarapuava e Irmã Eleutéria. O prefeito Junior da Femac acompanhou o ato ao lado do presidente da Acia, Wanderlei Faganello. Também esteve presente Jayme Leonel, presidente da Sociedade de Propósito Específico (SPE), constituída pela Acia para gerenciar o projeto. O ato contou ainda com a presença do empresário e ex-presidente da Acia, Armando Boscardin, do vereador Rodrigo Lievore, do arquiteto Lernardo Britici que projetou o prédio, Osmar Ida da construtora que vai executar a obra e de representantes das imobiliárias responsáveis pela comercialização das salas, João Ceriane (Ceriane Craveiro Imóveis) e Alonso Sanches (Sanches Imóveis). O prefeito Junior da Femac fez um paralelo entre dois momentos difíceis vividos por Apucarana, em períodos distintos da história. “Em 1975, tivemos a geada negra que dizimou os cafezais que eram a grande força econômica da época. O setor produtivo respondeu construindo e inaugurando, em 1978, o maior prédio da cidade – o Palácio do Comércio - e que se transformou num dos principais símbolos de Apucarana”, afirmou Junior da Femac. Recentemente – continua Junior da Femac - Apucarana, o Brasil e o mundo viveram o desafio da pandemia, que afetou diretamente o sistema de saúde e também trouxe grandes reflexos para a economia. “E como Apucarana está respondendo?”, questionou, para responder na sequência: “Construindo a maior torre comercial da história de Apucarana e do Vale do Ivaí, numa demonstração de que a cidade é capaz de se levantar, organizar e avançar”, pontua Junior da Femac. Wanderlei Faganello lembrou do papel exercido pelos ex-presidentes da Acia, desde a aquisição do terreno, em 1987, onde o centro empresarial será edificado e todos os passos subseqüentes que culminaram no projeto atual. “Os ex-presidentes pensaram no futuro da associação e também da cidade. O Palácio do Comércio foi um ícone imponente de Apucarana e agora o centro empresarial será, além de um presente para a cidade, um legado para os próximos anos. Será um prédio moderno, com tecnologia, segurança e sustentabilidade”, ressalta Faganello. Jayme Leonel afirma que o lançamento da pedra fundamental marca o início das obras e representa a concretização do sonho dos empresários. “Isso só é possível graças às pessoas que acreditaram no projeto da Acia e adquiriram as salas comerciais. Além disso, todo o projeto foi concretizado com DNA de Apucarana e será executado por profissionais e empresas apucaranenses”, reitera Leonel, acrescentando que a obra de construção deverá gerar cerca de 80 empregos. O Centro Empresarial terá 30.196,08 metros quadrados de área construída, incluindo subsolo, térreo, três pavimentos para estacionamento e uma torre de mais 23 andares onde estarão distribuídas 174 salas comerciais. De acordo com o projeto, o térreo será destinado para a Acia. Nesse pavimento, a associação instalará sua nova sede, deixando o 15º andar do Palácio do Comércio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...