Páginas


17/01/2023

JARDIM ALEGRE - ROTAM prende suspeito de gerenciar ponto de Tráfico de Drogas

  A Polícia Militar, equipe ROTAM Ivaiporã, registrou tráfico de drogas, no dia 16 de janeiro, em Jardim Alegre, com apoio do Destacamento local. Segundo informações, houve denúncia feita direta a referida equipe, no dia 14 de janeiro, apontando o comércio de entorpecente, na Rua Pitanga (Cidade de Jardim Alegre), em uma casa que fica nos fundos, inclusive que o chefe, seria um rapaz de nome Diogo, o qual já encontra-se preso, mas seu gerente responsável por abastecer a "boca de fumo" e recolher o dinheiro das vendas, seria morador do Jardim Itapuã. Também que, no referido endereço, um homem e uma mulher faziam a venda do entorpecente. Ao fazer a incursão no endereço, foram visualizado trios (caminhos) na área de vegetação, tanto pra quem sai da rua, quanto para quem sai na rodovia, revelando a grande movimentação. Na ação, foram vistos dois homens do lado de fora, que, ao notaram a presença da ROTAM, um deles, que estava sem camiseta, arremessou um objeto e tentou correr. Ao ser abordado, ofereceu resistência, sendo necessário o uso seletivo de força. Foi verificado que o objeto dispensado, era uma bucha de maconha de 1,520 grama. Ao ser confrontado com o teor das denúncias, negou realizar tráfico de drogas e afirmou que poderia realizar busca na casa, pois não teria nada de ilícito. Foram realizadas buscas no imóvel e, sobre uma mesa, ao lado da TV, localizada uma porção de maconha pesando 1,81 grama e em dois pontos diferentes. No buraco de um tijolo da parede, sem reboco, havia crack, sendo que no primeiro foi localizado um invólucro com oito porções grandes embaladas em pacotes de geladinho, cerca de meio grama cada; no outro buraco, um invólucro contendo 40 pedras de crack, embaladas igualmente em pacotes de geladinho, prontas para a venda, ao peso total de 6,800 gramas. Foram apreendidos ainda R$20,00 reais e um celular. A segunda pessoa abordada, a qual não fugiu da abordagem, testemunhou toda ocorrência e, segundo o boletim, afirmou que tem uma residência próxima e que estava no local para receber o aluguel. Ele disse que conhece o detido apenas pelo apelido, o qual estava morando local há pelo menos 15 dias. Que o autor estava falando que iria "bolar" uma maconha. A PM ainda informou que o detido já foi preso em Apucarana, por tráfico de drogas, o que vai ao encontro das denúncias, de que o autor estaria recrutando e trazendo pessoas de fora, para morar e traficar no municípios de Ivaiporã e Jardim Alegre. "Válido ressaltar que cada uma das 40 pedras de crack, normalmente, são vendidas a 10 reais cada, enquanto as 08 pedras maiores, seriam vendidas a cerca de 50 reais cada", informou a PM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...