terça-feira, 23 de outubro de 2018

APUCARANA - Dois assaltos na zona rural e cidade e vários furtos

                    Na cidade de Apucarana, bandidos invadiram Fazenda, na noite de 22 de outubro, na Estrada da Cofii, no Distrito de Correa de Freitas, Fazenda Martineli. A vítima relatou que se encontrava na residência da sede quando quatro masculinos invadiram o local e anunciaram o roubo, sendo que dois deles estavam armadas e todos encapuzados. Fizeram o homem deitar no chão, mas seu sobrinho fugiu pela janela. Como não encontram nada de valor, fugiram levando apenas um Celular Nokia 9100. O segundo roubo, foi na Avenida Brasil, no Jardim Diamantina, em um Ponto de Ônibus. Uma mulher estava no local, às 3h40min, de 23 de outubro, quando parou uma motocicleta na cor preta, com um casal, sendo que a mulher desceu da garupa da moto e arrancou de seu ombro uma mochila jeans, com aparelho de celular Sony e documentos pessoais. FURTOS - Do dia 22 para 23 de outubro, foram vários furtos, um deles na Rua Regina Alves Pereira, na Vila Regina. Levaram um monitor de computador de uma. No dia 23 de outubro, no comércio conhecido como Real Salgados, uma mulher de nome Roseli, disse que deixou o celular no balcão, o qual  foi levado no momento de discuido. Na Av. Zilda Seixas Amaral, levaram o botijão de gás, um aparelho de som, alguns perfumes e itens alimentícios, de uma casa. O último furto, da madrugada, de 23 de outubro, foi na madrugada, 02h45min, na Rua Ponta Grossa, Loja Lummier Modas, onde foi detido jovem de 33 anos. Ele quebrou a vidraça da empresa e saiu correndo com mochila e objetos. Após buscas, foi preso e estava com produtos que foram reconhecidos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA