quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

BRASÍLIA - Contrariando promessa de Bolsonaro, filho do vice é nomeado

Após filho  ter salário triplicado no Banco do Brasil, Hamilton Mourão, vice-presidente da república fala em “competência”
Após ver o filho Antonio Hamilton Rossell Mourão ser promovido a assessor especial da presidência do Banco do Brasil, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), garantiu, no Twitter, que a escolha foi feita “por absoluta confiança pessoal do presidente do banco”.  "Meu filho, Antônio, ingressou por concurso no BB há 19 anos. Com excelentes serviços, conduta irrepreensível e por absoluta confiança pessoal do Presidente do Banco foi escolhido por ele para sua assessoria. Em governos anteriores, honestidade e competência não eram valorizados", disse o vice.  A nomeação contraria promessa de Bolsonaro que promoveu o fim das nomeações políticas. O filho de Mourão, que é funcionário de carreira do BB, trabalhava há 11 anos como assessor na diretoria de agronegócios da entidade. De acordo com a equipe de comunicação do banco, a nomeação atende aos critérios estabelecidos em normas internas e no estatuto da instituição.  O presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, afirmou, em nota, que Antonio Mourão tem “excelente formação e capacidade técnica”. Com a promoção, o filho do vice-presidente terá um substancial aumento em seu salário, partindo dos atuais R$ 12 mil para R$ 37,5 mil.  Antonio Mourão é formado em administração de empresas e tem pós-graduações em agronegócios e em desenvolvimento sustentável.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA