30/09/2020

Em dois meses, 5.300 cães e gatos são esterilizados no Paraná

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo já realizou mais de 5.300 castrações de animais domésticos pelo Programa Permanente de Esterilização de Cães e Gatos. Desde julho deste ano, o programa passou por 14 cidades do Paraná e agora segue o atendimento em outros 34 municípios. A meta é realizar o procedimento em cerca de 15 mil animais até o fim deste ano. Nesta quarta-feira (30), as unidades móveis estão em São Miguel do Iguaçu, no Oeste do Estado. O objetivo é o controle populacional de cães e gatos no Estado. São atendidos pets de famílias que não têm condições de arcar com os custos de uma castração particular e animais de rua.  O secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, explica que os atendimentos veterinários são considerados serviços essenciais e mantêm a normalidade nas atividades mesmo durante o período de pandemia. Medidas de segurança, como utilização de máscara e distanciamento social foram adotadas para o bom atendimento e prevenção da Covid-19.  “O atendimento médico para animais também é indispensável, mesmo neste período de coronavírus. Esta medida é uma forma de cuidar tanto dos pets quanto da nossa população”, afirma o secretário.  Para a realização do programa, foram contratadas duas clínicas veterinárias por meio de pregões eletrônicos. Com o investimento de R$ 2,9 milhões, os médicos veterinários percorrem os municípios com a estrutura das Unidades Móveis de Esterilização e Educação em Saúde (UMEES), veículo especializado para o atendimento itinerante. “Essa iniciativa do Governo do Estado em parceria com as prefeituras, por si só, já tem um potencial de sensibilização da comunidade e a gente precisa mostrar para população o quanto é importante a castração”, declara Fernanda Góss Braga, coordenadora de Recursos Naturais da Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo e secretária executiva do Conselho Estadual de Direitos dos Animais (Ceda).  Ainda segundo a coordenadora, os cães e gatos que passam pelo processo de castração são animais que apresentam menos problemas na idade avançada. O procedimento diminui a incidência de câncer de próstata, câncer de mama e evita ninhadas indesejadas, minimizando o número de abandonos. Clique Aqui e veja os demais municípios que serão beneficiados  e mais detalhes. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA