16/10/2020

MANOEL RIBAS - Cerca de 100 índios infectados com a Covid-19

No link de vídeo, ouça entrevista com o enfermeiro Claudinei (Cadi). Ele comenta sobre o surto de coronavírus na Aldeia Indígena Ivaí  
    No município de Manoel Ribas, até este dia 16 de outubro, de 2020, pelo menos 99 índios, da Aldeia Indígena Ivaí, já reconhecida como local de surto da nova doença,  estavam com diagnóstico positivo para o Coronavírus. Somando todos os casos de covid, no município, o número chega a 211. Por telefone, o enfermeiro Claudinei Batista de Jesus, o conhecido "Cadi", responsável pelo Departamento de Epidemiologia, falou com o repórter Ronaldo Alves Senes, o "Berimbau", numa entrevista a Rádio Nova Era. Ele comentou sobre a preocupação da Secretaria Municipal de Saúde e do Comitê de Enfrentamento ao Covid-19. Segundo ele, uma reunião, que, inclusive, contou com a participação do Ministério Público; Secretaria Especial de Saúde Indígena (FUNAI) e a administração municipal, foram definidas algumas ações para conter o avanço da doença na Aldeia, que tem mais de 1.800 moradores. O primeiro caso, foi diagnosticado, em 29 de fevereiro. Até o dia 16 de outubro, dos 99 infectados, três estavam internados no Hospital Regional de Ivaiporã, um deles em estado grave. Vale ressaltar que o município de Manoel Ribas, tem pouco mais de 13 mil habitantes e já estava na curva de redução de casos, mas após o contágio dos indígenas, mais que dobrou o número de confirmações. "A comunidade indígena nos preocupado, porque seus membros tem outras comorbidades, que são da cultura dos índios, as quais potencializam a doença. Cito, como exemplo, a Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica, chamada de DPOC, e também o fato deles inalarem muita fumaça, por promoverem fogueiras e outros fogos. Ainda há dificuldade para obrigar que eles cumpram as medidas de isolamento. Muitos tem saído para vender seu artesanatos, o que passa a ser um risco a toda comunidade", disse Claudinei. Outra dificuldade, é o fato da aldeia ter sido edificada com todas as casas centralizadas, por isso, a aglomeração é algo quase inevitável. Ao final da entrevista, o repórter "Berimbau", parabenizou o enfermeiro Claudinei e toda equipe de saúde do município, profissionais que tem arriscado suas vidas para proteger a sociedade.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA