13/10/2020

Operação Padroeira com menos acidentes nas Rodovias Estaduais

Já nas rodovias federais foram 124 acidentes, com 143 pessoas feridas e sete mortes
RODOVIAIS ESTADUAIS - O Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) registrou uma queda de 11,11% nas mortes durante os quatro dias da operação Padroeira 2020. O comparativo é em relação ao mesmo período do ano passado, com acréscimo de um dia no feriado deste ano. Foram registradas oito mortes, contra nove no mesmo período do ano passado, mesmo com um dia a mais. A fiscalização iniciou às 14 horas de sexta-feira (09) e foram até as 23h59 de segunda-feira (12/10), com reforço de policiamento nas rodovias estaduais que cortam o Paraná. Como o feriado foi prolongado, a Operação Padroeira registrou um aumento de 12,73% no número de acidentes em todo o estado (de 55 subiu para 62), assim como um número maior de feridos (de 67 para 72), aumento de 7,46%. Nas rodovias estaduais que cortam o Litoral, houve redução dos principais índices. Os acidentes tiveram queda de 25% (de 4 caiu para 3), os feridos tiveram queda de 16,67% (de 6 caiu para 5) e nos dois anos, nenhum óbito foi registrado nas vias. De acordo com o oficial de Relações Públicas da unidade, tenente Sidinei Hudach, o comportamento dos motoristas e demais usuários das rodovias influenciou no aumento nos índices. “A fiscalização foi incrementada com policiamento em todo o Estado, mas, mesmo assim, a imprudência dos motoristas continua resultando em acidentes, feridos e mortos”, disse. O trabalho preventivo do BPRv alcançou mais de 12 mil quilômetros de estradas estaduais e envolveu o efetivo operacional e administrativo das seis companhias estabelecidas nas regiões do Estado. O policiamento foi focado em pontos estratégicos e onde havia mais incidência de acidentes e de infrações por excesso de velocidade, embriaguez ao volante, entre outros delitos de trânsito. Ao longo dos principais trechos das estradas, o BPRv fez fiscalizações para coibir o excesso de velocidade, utilizando radares móveis. Foram feitas 4.719 imagens de radar - 245,97% a mais que o mesmo feriado do ano anterior, quando foram 1.364 imagens. AUTUAÇÕES - As autuações de infração de trânsito feitas pelos policiais rodoviários neste feriado chegaram a 1.768, um aumento de 89,29% em comparação com o ano anterior, quando foram 934 infrações lavradas. As ações de combate a embriaguez ao volante, seja por abordagens preventivas ou flagrantes, resultaram em seis autuações pelo artigo 165 (multa) e outras duas pelo artigo 306 (prisão do motorista), ambos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). No mesmo feriado do ano passado, foram 10 infrações pelo artigo 165 e quatro pelo artigo 306. LITORAL – Nas estradas que levam ao Litoral, as imagens por radar passaram de 95 em 2019 para 444 neste ano, um aumento de 367,37%, e as autuações de infração de trânsito tiveram um aumento de 51,61% (de 62 no ano passado para 94 em 2020). “O batalhão vem percebendo nas últimas semanas um aumento no fluxo das rodovias, tanto para o Litoral, quando para o Interior. Por isso, de agora em diante, em todos os fins de semana a fiscalização será intensificada até o início da Operação Verão nas rodovias que levam até o Litoral do estado”, complementou o tenente Hudach. RODOVIAS FEDERAIS  - A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, às 23h59 de segunda (12 de agosto), a Operação Nossa Senhora de Aparecida 2020 no Paraná. Neste ano, durante os quatro dias de operação, que teve início na sexta (9), agentes da PRF flagraram 21 motoristas dirigindo bêbados; 9 foram presos. 284 condutores ou passageiros estavam sem o cinto de segurança, além de 30 ocasiões em que crianças não utilizavam adequadamente um dispositivo de retenção, como a cadeirinha. Ainda, foram registradas 571 ultrapassagens irregulares durante o feriado, representando quase seis flagrantes por hora de operação. Esse tipo de ultrapassagem é responsável pela maioria dos acidentes do tipo colisão frontal, onde o motorista não consegue efetuar em tempo a manobra de ultrapassagem ou força a ultrapassagem, colidindo frontalmente com o veículo que está trafegando no sentido contrário. A PRF registrou 124 acidentes, com 143 pessoas feridas e sete mortes nas rodovias federais do Paraná, de sexta à segunda. Em 2019, não houve operação, portanto, não há comparativo. Os dados são preliminares e podem sofrer alterações. Foram fiscalizadas 10.730 pessoas e 12.697 veículos. 3.193 infrações foram registradas pelos policiais, nos cerca de quatro mil quilômetros de rodovias federais da circunscrição da PRF no Paraná. 224 veículos foram recolhidos aos pátios por diversas irregularidades e 7 foram recuperados. Também, foram apreendidos 304 quilos de maconha durante a operação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA