06/12/2020

IVAIPORÃ - Ladrões arrombam Loja Valdar Móveis, mas dois foram detidos

Além dos dois detidos, inicialmente, um terceiro suspeitos foi localizado na Vila Monte Castelo  
   A Polícia Militar, de Ivaiporã, deteve no sábado, dia 05 de dezembro, de 2020, ainda pela madrugada, dois acusados de arrombamento na Loja Valdar Móveis. Outros participantes, já foram identificados. As detenções só foram possíveis, graças aos policiais atentos que não titubearam e abordaram suspeitos, por volta das 05h31min. Os soldados estavam em patrulhamento na área central, mais precisamente na Avenida Brasil, quando avistaram três indivíduos em frente a Loja Valdar. Ao perceberem a viatura, disfarçadamente, eles se dispersaram tomando cada um, rumo diferente. Um deles foi alcançado na Avenida Castelo Branco, nos fundos do Supermercado Baratão, com quatro caixas de aparelhos celulares, todas lacradas. Logo relatou que tinha acabado de furtar da Loja Valdar e que o furto foi praticado na companhia de outros indivíduos, sendo que alguns ainda estavam no interior da referida loja. Confirmou também que um deles era morador da Vila Monte Castelo. Foi pedido apoio para outras equipes para tentar localizar os outros dois que correram. Já os PMs que fizeram o flagrante, entraram na loja, mas já não localizaram mas nenhum suspeito. O local estava completamente revirado e vários aparelhos celulares foram furtados. A gerente foi acionada e não conseguiu indicar a quantidade exata. As Câmeras de Segurança, possibilitaram identificar duas pessoas, do sexo masculino, sendo elas também já conhecidas no meio policial. Até o fim das buscas, um segundo suspeito, que, inclusive, o menor confirmou sua participação, foi detido. Ele negou envolvimento. Ambos foram entregues na delegacia. Ainda no mesmo dia 05 de dezembro, por volta das 09 horas, uma denúncia levou a PM até a Rua Pato Branco, na Vila Monte Castelo, de onde chegaram denúncias que um adolescente, estava vendendo celulares novos por preços irrisórios. Ao chegar ao local, o menor foi encontrado e confessou. Ele também levou a PM até uma casa abandonada, próximo a obra do "Meu Campinho" e onde quatro aparelhos de celulares foram localizados embaixo de um guarda-roupa. Ele também foi levado até a Polícia Civil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA