Páginas







 


14/04/2021

APUCARANA -Programa vai estimular a reciclagem e dar apoio à agricultura familiar

Apucarana prepara um novo programa para estimular a educação ambiental, com a troca de recicláveis por cestas de hostrifrutis. A proposta pode dar maior vida útil ao aterro sanitário do município e, ao mesmo tempo, apoiar a produção da agricultura familiar e a Cooperativa dos Catadores de Apucarana (Cocap). A prefeitura de Apucarana vai elaborar um projeto para ampliar a separação do lixo reciclável nas casas, contribuindo para a preservação do meio ambiente. A iniciativa partiu do vereador Rodrigo Lievore, o “Recife”, que apresentou a proposta ao prefeito, de um modelo semelhante ao que existe na cidade de Ponta Grossa. A ideia é oferecer a entrega de hortifruti: verduras, legumes e frutas em troca de materiais recicláveis. A sugestão foi discutida e acatada em reunião do prefeito Junior da Femac, com a presença dos secretários do Meio ambiente, Gentil Pereira; e da agricultura, Gerson Canuto. Também participaram Eliana Rocha, da Secretaria da Mulher e Assuntos da Família; o técnico agrícola Luiz de Faveri; Sergio Bobig, da Sema. De acordo com a proposta, a prefeitura irá comprar os alimentos da Agricultura Familiar e também das hortas comunitárias urbanas, para distribuir nos bairros, contemplando as famílias que separam e entregam o lixo reciclável. Denominado “Feira Verde”, o projeto visa evitar que materiais recicláveis sejam colocados com o lixo doméstico e levados para aterro sanitário. A coleta seletiva garante maior vida útil ao aterro, mais renda aos trabalhadores da Cocap e aos pequenos produtores rurais, além de mais alimentos saudáveis na mesa das famílias. O prefeito Junior da Femac gostou do projeto e anunciou que a prefeitura irá se organizar e se estruturar para colocar o projeto em funcionamento a partir de junho. “Vamos colocar veículos à disposição para a entregue das cestas de hortifrutis, acompanhando o caminhão de coleta da Cocap”, anunciou, acrescentando que o modelo colocado em prática em Ponta Grossa é muito interessante. “Em Apucarana recebemos comitivas de várias regiões que vêem conhecer os nossos programas. E nós também podemos aproveitar boas idéias de outras cidades”, comentou. O vereador Rodrigo Lievore destaca que o programa objetiva estimular a troca de materiais recicláveis por alimentos derivados da agricultura familiar. “O Feira Verde poderá criar um ciclo socioeconômico e ambiental, interagindo e empoderando, principalmente, as famílias de menor poder aquisitivo”, avaliou Lievore.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA